CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Visando Copa do Mundo, Coutinho cogita jogar no Brasil em 2022

Aos 29 anos, meia vê com bons olhos um empréstimo a um clube brasileiro para seguir no radar de Tite, a poucos meses do Mundial do Catar

Por Da Redação 30 dez 2021, 09h09

A relação entre Philippe Coutinho e Barcelona, uma das mais caras da história do futebol, parece estar próxima do fim. Sem espaço no clube catalão e com dificuldades para recuperar ritmo após lesão que o afastou por meses dos campos, o jogador não deseja continuar no time, segundo informação divulgada no programa espanhol El Chiringuito, da TV Mega. Sonhando em disputar a Copa do Mundo de 2022, o meia de 29 anos cogita voltar ao Brasil, para continuar no radar de Tite. O futebol inglês também aparece como possível destino. 

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Em 2018, Coutinho foi comprado do Liverpool pelo Barcelona por 120 milhões de euros, equivalente a 778 milhões de reais, na cotação da época. Seu altíssimo salário tende a dificultar uma negociação com times do Brasil, tendo em vista a necessidade de parte do valor continuar sendo paga pelos catalães. Revelado pelo Vasco da Gama, que atualmente está na segunda divisão, Coutinho é visado por Palmeiras e Atlético Mineiro, clubes com condições financeiras mais estáveis atualmente.

Com contrato até junho de 2023 na Espanha, Coutinho também pode estar de saída para o futebol inglês, onde se consagrou com a camisa do Liverpool. De acordo com o jornal Daily Mirror, o Arsenal tem real interesse no jogador. Newcastle, recentemente comprado e com projeto bilionário, Tottenham e Everton também foram ventilados como a nova casa do brasileiro.

Pelo Barcelona, Coutinho tem 106 jogos e 26 gols marcados. Lesões e a dificuldade de se readaptar após tempos fora de atividade são pontos negativos na trajetória do brasileiro pelo clube espanhol.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN! 

Continua após a publicidade

Publicidade