CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Vinícius Júnior brilha, Militão falha: os brasileiros em Barça x Real

Clássico pela Supercopa da Espanha teve muitos brasileiros em campo; técnico Tite convoca a seleção nesta quinta-feira, 13

Por Da redação Atualizado em 12 jan 2022, 18h37 - Publicado em 12 jan 2022, 18h32

O Real Madrid avançou para a final da Supercopa da Espanha ao bater o Barcelona por 3 a 2 nesta quarta-feira, 12, na prorrogação, em duelo disputado em Riad, capital da Arábia Saudita. Em um clássico cheio de brasileiros, o destaque ficou mais uma vez por conta de Vinícius Júnior, que marcou o primeiro gol do Real, participou do terceiro e infernizou o lateral Daniel Alves com sua velocidade.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Destaque merengue na temporada, com 15 gols e nove assistências em 27 jogos, Vinícius teve outra atuação decisiva um dia antes da convocação da seleção brasileira pelo técnico Tite, que divulga sua lista nesta quinta-feira, 13, para os jogos contra Equador e Paraguai, pelas Eliminatórias. O camisa 20 abriu o placar aos 25 minutos, recebendo em velocidade na esquerda, invadindo a área e finalizando sem chances para Ter Stegen.

Em constantes duelos com Daniel Alves, que atuou na lateral direita do Barça, Vini dificultou a vida do veterano de 38 anos. Em lances nos quais tinha campo para correr, o atacante levou a melhor quase sempre – inclusive na jogada do gol, em que Daniel nem tentou acompanhá-lo.

Continua após a publicidade

Daniel, do Barcelona, e Vinicius Junior, do Real Madrid, em Riade
Vinícius Júnior infernizou a vida de Daniel Alves com sua velocidade – ./AFP

Defensivamente, aliás, foi um jogo ruim de Daniel Alves. Logo aos 6 minutos, o lateral já recebeu um cartão amarelo por derrubar Vinícius. No segundo gol do Real Madrid, marcado por Benzema, ele também foi facilmente superado por Mendy na origem da jogada. Acabou substituído aos 33 do segundo tempo, com o técnico Xavi tentando deixar o time mais ofensivo.

Quem também não teve uma jornada feliz foi Éder Militão. O zagueiro do Real vacilou nos dois gols do Barça: no primeiro, cortou errado um cruzamento e mandou a bola em cima de Luuk de Jong, que acabou jogando para as redes meio “no susto”; no segundo, deixou Ansu Fati subir sozinho na área e completar de cabeça um levantamento preciso de Jordi Alba.

Já os outros brasileiros em campo jogaram bem e participaram do terceiro gol. O volante Casemiro foi a presença defensiva segura de sempre pelo Real Madrid, e na prorrogação disparou pelo meio com a bola dominada até acionar Rodrygo passando livre pela direita. O ex-atacante do Santos, que havia entrado no segundo tempo, cruzou rasteiro para Vinícius fazer o corta-luz e deixar o uruguaio Valverde na boa para definir a vitória do Real.

Agora, o Real Madrid aguarda o vencedor da outra semifinal, entre Atlético de Madrid e Athletic Bilbao, nesta quinta-feira, 13, para saber seu adversário na decisão da Supercopa da Espanha. A final está marcada para este domingo, 16.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade