CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Venda de Diego Souza deu lucro financeiro ao Flu

Meia teve metade de seus direitos vendidos pelo valor de 100%, pago pelo Flu, meses atrás

Por Redação PLACAR 24 mar 2016, 13h08

No começo do ano, o Fluminense contratou o meia Diego Souza, junto ao Metalist-UCR, em forma parcelada. Três meses depois, o jogador deixa o clube e vai ao Sport, que o teve por empréstimo em 2015. Apesar da perda do meia, o clube lucrou financeiramente.

O Sport pagará 600 mil euros (cerca de R$ 2,4 milhões) por 50% do jogador. Esse foi o valor total que o Fluminense pagou pelo meia, por 100% de seus direitos federativos.

Contudo, o Flu também pagará em duas parcelas. Cada uma com 300 mil euros, sendo a primeira em 2016 e a segunda podendo ser paga até após uma eventual venda do meia, caso ele não permaneça além de seu contrato, que vence em 2017.

Além disso, o Fluminense vai economizar no pagamento de salário do jogador, um dos mais altos no clube. O atual camisa 87 do Sport recebia cerca de R$ 580 mil mensais, somando salário, encargos e direitos de imagem. 

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

MELHOR
OFERTA

Digital no App