CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Um ano inesquecível neste século: São Paulo

Nesta série, PLACAR traz um ano inesquecível neste século para cada um dos 12 grandes clubes brasileiros

Por Redação PLACAR 25 ago 2015, 12h00

2005
foi um ano para o São Paulo renascer. Com uma equipe redondinha, montada por
Cuca em 2004, a equipe estava pronta para brilhar naquele inesquecível ano de
2005.

O ano começou com Émerson Leão no comando no São Paulo. Com ele,
o Tricolor venceu o Campeonato Paulista por pontos corridos. No dia 3 de abril,
após empate sem gols com o Santos na Vila Belmiro. No fim, com sete pontos de
vantagem sobre o vice-campeão Corinthians e com apenas duas derrotas, o
Tricolor conquistou o estadual.

Ainda com Leão, o São Paulo se classificou bem na 1ª fase da
Copa Libertadores. O Tricolor foi primeiro colocado do grupo 3, com três
empates e três vitórias. Contudo, ainda durante a primeira fase do torneio,
Leão deixou o São Paulo para treinar o Vissel Kobe, do Japão, alegando uma
dívida de gratidão com o presidente do clube japonês. Assim, Paulo Autori
assumiu a equipe.

Com a quinta melhor campanha de um primeiro colocado, o clube foi
colocado para enfrentar o Palmeiras nas oitavas de final do torneio. O clube
passou pelo Verdão com duas vitórias. Contra o Tigres, nas quartas de final,
goleou em São Paulo e perdeu no México por apenas 1 x 2, garantindo vaga na
semifinal.

Nesta fase o rival era o River, que prometia ser difícil. Só
prometia. O Tricolor venceu em casa por 2 x 0 e ainda venceu na Argentina por 3
x 2, garantindo vaga na final contra o Atlético-PR, na 1ª final da história com
clubes do mesmo país.

No primeiro jogo da final, no Beira-Rio, em Porto Alegre, os
times empataram em 1 x 1. Já na partida de volta, no Morumbi, o Tricolor venceu
bem, por 4 x 0, ficando com a taça.

Sem pretensões no Brasileiro, o clube fez uma campanha mediana e
terminou em 11° no Brasileiro, com uma campanha bem abaixo do que estava
costumado a fazer. A grande pretensão do clube era o Mundial de Clubes. 

Na Copa Sul-americana, o clube caiu logo na primeira rodada,
diante do Internacional, com derrota de 1 x 2 em Porto Alegre e empate em 1 x 1
no Morumbi.

Por fim, no Mundial, o clube teve pela frente o Al-Ittihad-ARA.
Um jogo que parecia ser difícil, foi dificílimo. Com dois gols de Amoroso e um
de Rogério Ceni, o Tricolor venceu por 3 x 2 e chegou à decisão do torneio,
contra o então favorito Liverpool. Mas os brasileiros foram mais competentes
que os ingleses e venceram por 1 x 0, com um gol solitário e chorado de
Mineiro, que tornou-se uma figura história no clube, tricampeão mundial.

GRANDE FORÇA

Elenco estruturado, montado previamente: O elenco
do São Paulo começou a ser montado em 2003. Se estruturou em 2004 e foi
finalizado em 2005, com perfeição. A dupla de zaga funcionava. A dupla de
volantes (Mineiro e Josué) era considerada a melhor do Brasil, os meias
oganizavam o time com sucesso e os atacantes fizeram o time ter uma média de
gols incríveis neste ano.

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

PERSONAGEM

Rogério Ceni: Não poderia ser outro. Ceni era
o capitão e o comandante desta equipe. Além de fazer gols importantes no ano,
ainda fez uma partida brilhante contra o Liverpool na final do Mundial,
conquistando assim a taça mais importante do clube no ano.

GRANDE JOGO

18/12/2005 – São Paulo 1 x 0 Liverpool: O jogo
que finalizou o ano e coroou a temporada perfeita. Mineiro marcou com 27
minutos da primeira etapa e o Tricolor segurou um agressivo Liverpool, que
parou nas mãos de Rogério Ceni, o capitão que foi eleito o melhor em campo e
levantou a taça para o time neste dia.

TÍTULOS

– Campeonato Paulista

– Copa Libertadores

– Mundial de Clubes

CAMPANHA

79 jogos, 41 vitórias, 18 empates e 20 derrotas – 166 gols pró e
107 gols contra – 59,5% de aproveitamento

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês