CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Roger, do Botafogo, retira tumor no rim e passa bem

Cirurgia foi bem-sucedida e jogador deve voltar a treinar em menos de dois meses. Biópsia determinará se cisto era benigno ou maligno

Por Da redação Atualizado em 20 out 2021, 19h30 - Publicado em 8 out 2017, 13h50

O atacante Roger, do Botafogo, diagnosticado com um tumor no rim, passou por uma cirurgia bem-sucedida na manhã deste domingo, no Hospital Samaritano da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. O jogador deve aguardar a biópsia para saber se o cisto era benigno ou maligno e ainda não tem previsão de alta, mas passa bem.

De acordo com o médico Raphael Rocha, que operou o atacante, a cirurgia foi breve e sem sangramentos. O tumor foi retirado com margem de segurança, preservando o rim de Roger, por meio de uma técnica robótica minimamente invasiva.

O processo de recuperação do jogador não deverá ser longo. Em aproximadamente um mês e meio, ele já poderá retomar à prática de atividades físicas, sem precisar passar por quimioterapia.

O contrato de Roger com o Botafogo é válido até o final do ano. O atleta é o artilheiro da equipe carioca na temporada, com 17 gols. Devido ao tumor, a tendência é que o jogador só volte aos gramados em 2018. Aos 32 anos, Roger foi contratado no fim do ano passado após se destacar com a camisa da Ponte Preta.

(com Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

MELHOR
OFERTA

Digital no App