CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

River Plate está perto de fechar naming rights do Monumental de Núñez

Investimentos devem chegar a 20 milhões de dólares e preveem transformar o estádio em Buenos Aires no maior da América do Sul

Por Da redação 27 jan 2022, 13h26

No ano em que o River Plate completa 121 anos de história, o clube venderá o nome de seu tradicional estádio, o Monumental de Núñez, em Buenos Aires pelos próximos cinco ou seis anos. O provável acordo de naming rights terá um investimento de cerca de 20 milhões de dólares, aproximadamente 108 milhões de reais, por parte do patrocinador, segundo informou nesta quinta-feira, 27, o diário local Olé. 

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

O montante seria usado em parte para dar continuidade no projeto, apresentado no ano passado, que tem como objetivo aumentar a capacidade do local, de 70.000 para 81.000 lugares, tornando o Monumental o maior estádio da América do Sul, à frente do Morumbi, com 66.795, do Mané Garrincha, com 72.800 e do Maracanã, com 78.838. Também estão previstas a construção de três andares de estacionamento, uma ponte que conectará as arquibancadas, a troca de assentos, um restaurante, 76 novas caixas, entre outros detalhes.

Embora o clube ainda não tenha oficializado quem de fato será o novo patrocinador, a imprensa argentina diz que há três empresas na briga: uma rede de supermercados internacional, uma petrolífera e uma multinacional global. A venda deve ser discutida nesta quinta-feira, 27, primeiro em reunião do Conselho de Administração do River e em seguida na reunião de Membros, no próximo dia 15, que é representada por 100 dos 150 membros da assembleia e precisa de dois terços dos votos para que a mudança de nome seja aprovada.

Pelo fato de a economia argentina passar por um período de instabilidade, ainda não há uma data exata para que comecem as obras no Monumental, porém já existem estudos e projetos de como ficará a casa do River futuramente. A ideia é que as arquibancadas cheguem bem perto do campo e os setores tenham um design mais parecido ao das arenas europeias. Inaugurado em 1938, o Estádio Antonio Vespucio Liberti (seu nome oficial) é também o palco habitual da seleção argentina, que conquistou ali sua primeira Copa do Mundo, em 1978.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

MELHOR
OFERTA

Digital no App