ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Real já tem sim do PSG por Mbappé e prepara apresentação igual a de CR7

Segundo o Marca, franceses e espanhóis chegaram a um acordo por R$ 1,1 bilhão pelo jogador; anúncio pode acontecer já nas próximas horas

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 17h26 - Publicado em 27 ago 2021, 09h03

“O acordo é iminente”, diz o jornal espanhol Marca. A novela que tem Kylian Mbappé, Real Madrid e Paris Saint-Germain como protagonistas deve se encerrar já nas próximas horas. Segundo a publicação, os franceses aceitaram a proposta de 180 milhões de euros – 170 milhões de euros fixos e mais 10 milhões de euros variáveis –, pouco mais de 1,1 bilhão na cotação atual pelo jogador. O Real, inclusive, já deseja preparar ao reforço uma apresentação semelhante a feita por Cristiano Ronaldo, em 2009.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

De acordo com o jornal, mesmo com as restrições sanitárias devido a pandemia no novo coronavírus, a ideia é reviver ao máximo o momento como com CR7. O clube espanhol trabalharia para já no sábado, 28, preparar uma festa ao jogador avaliando a hipótese de a cerimônia acontecer em Valdebas ou logo após o seu retorno de jogos com a seleção francesa.

Se aguardar, o Real pode incluir Mbappé a programação da partida contra o Celta de Vigo, em casa, no dia 11. O acordo do Ministério de Saúde com os clubes de La Liga é permitir 40% e 70% dos torcedores no estádio, condicionado a como estiverem os números de novos casos.

Apresentação de Cristiano Ronaldo em 2009 -
Apresentação de Cristiano Ronaldo em 2009 – Denis Doyle/Getty Images

Ronaldo foi apresentado em 6 de julho de 2009 para um público recorde de 80.000, superando a de Diego Maradona (1960-2020) em sua chegada ao Napoli, em 1984, que reuniu 75.000 no estádio San Paolo. Na ocasião, o então já melhor jogador do mundo recebeu a camisa 9 – a 7 era utilizada por Raúl González – e foi o maior investimento da história do futebol, cerca de 94 milhões de euros. Em nove temporadas, ele fez 450 gols em 438 partidas.

A negociação é dada como acertada nos bastidores. Dirigentes do cube espanhol também já discutem qual o número de camisa será utilizada pelo reforço. O único número vago, por enquanto, é a camisa 19, utilizada por Odriozola. Outras opções como a camisa 5 e a 23, de Vallejo e Mendy, respectivamente, também devem ficar disponíveis.

Dos valores, 35 milhões de euros (215 milhões de reais) recebidos pelo PSG precisarão ser repassados ao Mônaco como parte do acordo da negociação, em 2017.

É provável que Mbappé sequer seja relacionado para a partida diante do Reims, no domingo, 29, onde atuaria pela primeira vez ao lado do argentino Lionel Messi, que deve fazer sua estreia pelo novo clube.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade