CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Pochettino diz que teria saído do Tottenham com título da Champions

Sondado por gigantes do continente, treinador acredita que não teria motivação para seguir no clube de Londres se tivesse vencido o Liverpool

Por Da redação Atualizado em 28 set 2021, 10h45 - Publicado em 19 jul 2019, 12h24

O treinador do Tottenham, Mauricio Pochettino, falou nesta sexta-feira, 19, sobre a frustração de ter perdido a final da Liga dos Campeões para o Liverpool e disse que provavelmente teria deixado o clube se tivesse conquistado a taça inédita. Segundo o argentino, que apesar das ótimas campanhas, ainda não tem um título como treinador profissional, “quando alguém chega à glória, muda o comportamento, assim como os jogadores, e os desafios mudam.”

“Se o resultado fosse outro talvez fosse o momento de deixar o clube e dar a oportunidade de uma nova equipe técnica escrever um novo capítulo. Mas terminar assim? Eu não sou uma pessoa que foge dos problemas e evita desafios”, afirmou o ex-zagueiro, em entrevista coletiva durante a pré-temporada em Singapura.

Há cinco temporadas no clube de Londres, o treinador de 47 anos, já recebeu ofertas de gigantes como Real Madrid e Barcelona. Mas, apaixonado pelo Espanyol, o “primo pobre da Catalunha”, pelo qual atuou como atleta e treinador, disse há dois anos, que jamais treinaria o time do compatriota Lionel Messi.

“Nunca vou ser treinador do Barcelona ou do Arsenal, porque estou muito ligado ao Espanyol e ao Tottenham. Comecei a carreira no Newell´s Old Boys e nunca treinaria o Rosario Central. Prefiro trabalhar na minha fazenda, na Argentina, a treinar certos clubes”, explicou Pochettino, na época. 

 

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

MELHOR
OFERTA

Digital no App