CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Palmeiras estreia em menor estádio de todos os Mundiais; veja curiosidades

Em palco moderno, mas com pouca capacidade, alviverde enfrenta o Al Ahly pela semifinal do Mundial de Clubes nesta terça-feira, 8

Por Da redação Atualizado em 8 fev 2022, 08h03 - Publicado em 8 fev 2022, 08h00

Atual bicampeão da Libertadores, o Palmeiras começa nesta terça-feira, 8, a campanha no Mundial de Clubes. Em busca do primeiro título da competição, o clube paulista encara o Al Ahly, do Egito, na semifinal. A bola rola às 13h30 (de Brasília), no Estádio Al Nahyan, em Abu Dhabi – o menor da história dos Mundiais, cujo nome é uma homenagem a uma família bilionária.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

PLACAR reuniu algumas curiosidades sobre o palco da estreia do Palmeiras no Mundial:

O menor da história

Em 18 edições do Mundial de Clubes realizadas pela Fifa, nunca um estádio menor do que o Al Nahyan foi utilizado. Casa do Al Wahda, o palco de Palmeiras x Al Ahly tem capacidade para 12.000 pessoas (poderá receber pouco mais de 9.000 em virtude da Covid-19).

A escolha do local também tem a ver com a Covid-19, buscando evitar a aglomeração de um grande número de torcedores. Mesmo com a escolha de um estádio pequeno, as restrições de público continuam, e só 80% da capacidade poderá ser ocupada.

Continua após a publicidade

Sinta-se em casa!

A ideia dos organizadores da “caravana” palmeirense aos Emirados Árabes é fazer o time se sentir em casa. A mais de 12.000 quilômetros, a estratégia é vestir todo o estádio, com bandeiras e faixas, transformando-o praticamente em um Allianz Parque árabe.

De acordo com a TNT Sports, a torcida palmeirense deve levar mais de 50 bandeiras para Abu Dhabi, incluindo uma bandeira com mais de 20 metros de comprimento.

Casa de Tite

O estádio inaugurado em 1995 já foi a “casa” de Tite, da seleção brasileira. Aconteceu quando o treinador treinou o Al Wahda, mandante do Al Nahyan, por três meses, em 2010. A passagem, porém, foi curta e o técnico desembarcou no Corinthians, maior rival do Palmeiras, onde venceu o Campeonato Brasileiro de 2011, Libertadores de 2012 e o Mundial do mesmo ano em sequência.

Homenagem a bilionários

O Estádio Al Nahyan recebe o nome da família mais influente dos Emirados Árabes Unidos. Entre os “Al Nahyan”, estão Khalifa Bin Zayed bin Sultan, presidente do país, e Mansour bin Zayed, dono do Manchester City.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 14,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês