CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Na briga pela camisa 9, Matheus Cunha celebra nova chance com Tite

Atacante do Atlético de Madri será titular na partida desta quinta, diante do Equador, em Quito, ao lado de Vinicius Jr. e Raphinha

Por da redação Atualizado em 27 jan 2022, 11h20 - Publicado em 27 jan 2022, 11h18

Já classificada com sobras para a Copa do Mundo do Catar, a seleção brasileira aproveita as últimas partidas das Eliminatórias para tentar manter a invencibilidade e realizar seus últimos ajustes até o Mundial, em novembro. Nesta quinta-feira, 27, a equipe encara o Equador, em Quito, a parti das 18h (de Brasília), novamente com Matheus Cunha no comando do ataque, ao lado de Vinicius Junior e Raphinha.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Ciente de que a briga pela camisa 9 é uma das mais acirradas da equipe, Cunha, que também atuou na última partida, empate em 0 a 0 com a Argentina, se diz confiante em agarrar a oportunidade dada por Tite. “É muita alegria por estar nesse segundo jogo como titular, com grandes companheiros do meu lado. São grandes jogadores, e nessa segunda vez juntos vamos estar muitos concentrados para funcionar ainda melhor”, afirmou o atacante do Atlético de Madri, em entrevista gravada pela CBF.

Destaque na campanha do ouro olímpico em Tóquio, Cunha participou de cinco partidas pela seleção principal e ainda não marcou gols. “Ansiedade faz parte do processo, sem dúvida nenhuma. É transformar essa ansiedade dentro de campo em motivação, foco, concentração. Acredito que tenho que mostrar o que vinha fazendo nessa sequência na seleção, nos clubes em que passei. Na minha posição, a gente trabalha muito para participar, fazer gols, contribuir.”

Cunha, que trocou o Hertha Berlim pelo campeão espanhol nesta temporada e, aos poucos, vem ganhando mais espaço na equipe de Diego Simeone, briga por vaga na Copa com atletas mais experientes como Gabriel Jesus, Gabigol, Richarlison e Roberto Firmino. O Brasil lidera as Eliminatórias Sul-Americanas, com 35 pontos (11 vitórias e dois empates) e nesta quinta não conta com dois titulares: Neymar, lesionado, e Lucas Paquetá, suspenso.

.
Matheus Cunha foi contratado pelo Atlético de Madri nesta temporada Instagram/Reprodução
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 14,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês