ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Mundial de Clubes: Pachuca e Wydad decidem quem pega o Grêmio

Vencedor do confronto entre times mexicano e marroquino vai encarar o atual campeão da Libertadores na próxima terça-feira

Por Gazeta Press Atualizado em 20 out 2021, 17h59 - Publicado em 8 dez 2017, 21h38

O Grêmio vai conhecer neste sábado o seu adversário nas semifinais do Mundial de Clubes da Fifa. Pachuca, do México, e Wydad Casablanca, do Marrocos, se enfrentam neste sábado, a partir das 11h (de Brasília), no Estádio Zayed Sports, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, e quem vencer garante vaga na semifinal do torneio, em que terá pela frente o Grêmio, campeão da Libertadores da América.

Diego Alonso, treinador do Pachuca, preferiu não comentar sobre o Grêmio e focar na primeira missão que sua equipe terá neste Mundial, uma vez que ela só terá a oportunidade de enfrentar o time gaúcho se superar os rivais marroquinos.

“Nós temos que pensar apenas nos nossos objetivos e o próximo é ganhar do Wydad, que vai criar muitas dificuldades. O Grêmio não pode ocupar nossa mente agora, senão vamos nos complicar e tropeçar”, disse Alonso.

A cautela do treinador tem um motivo. O Pachuca chega à sua quarta participação em Mundiais de Clubes disposto a se classificar para a final pela primeira vez, já que a quarta posição, em 2008, foi o máximo que conseguiu atingir no torneio. O time tem como principal destaque o experiente zagueiro Óscar Murillo.

Pelo lado do Wydad, a força do time é o conjunto, mas a principal estrela da companhia é o meia Salaheddine Saidi. A ordem é jogar com alegria.

“Estamos em uma grande festa do futebol mundial e estar aqui é um grande prêmio para quem lutou muito ao longo de toda a temporada. Não quero meus jogadores pressionados, mesmo eles sabendo da responsabilidade de defender uma camisa tão importante do futebol africano”, avisou Hussein Amotta, treinador do Wydad.

Caso a partida deste sábado termine empatada no tempo regulamentar, acontecerá uma prorrogação de trinta minutos. Persistindo a igualdade, o classificado será conhecido nas cobranças de pênaltis.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade