CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

MNM na decisão? Razões para Pochettino escalar ou barrar o trio do PSG

Messi, Neymar e Mbappé ainda não deslancharam juntos, mas podem ser a garantia necessária ao clube francês para eliminar o Real Madrid no Bernabéu

Por Guilherme Azevedo Atualizado em 9 mar 2022, 08h45 - Publicado em 9 mar 2022, 08h15

Ao fechar a contratação de Lionel Messi no início desta temporada, o Paris Saint-Germain deu sequência a um megaprojeto e montou um ataque galáctico, agregando o argentino a Neymar e Kylian Mbappé. Esperava-se uma conexão quase imediata entre os craques, mas até o momento o trio MNM (iniciais de cada um dos atletas) não deu liga. Na responsabilidade de comandar o grupo, está o contestado treinador Mauricio Pochettino, que tem razões para escalar e também para barrar o trio para a decisão das oitavas de final da Liga dos Campeões nesta quarta-feira, 8, contra o Real Madrid, no Santiago Bernabéu, a partir das 17h (de Brasília).

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

O PSG venceu por 1 a 0, em Paris, o jogo de ida, no qual Neymar entrou no segundo tempo e deu a assistência para o golaço de Mabppé. Messi, por sua vez, desperdiçou um pênalti. Pesa contra o trio o fator entrosamento: Messi, Neymar e Mbappé começaram o mesmo jogo como titular apenas 10 vezes. O PSG saiu vitorioso em cinco ocasiões, perdedor em três e empatou as outras duas. Dois dos jogos perdidos foram pelo Campeonato Francês, contra Rennes e Nantes, adversários claramente inferiores. O outro foi contra o Manchester City, pela Champions.

Se as estatísticas dos jogadores forem analisadas separadamente, o destaque vai para Mbappé, autor de 24 gols na temporada. Messi tem sete tentos, enquanto o craque brasileiro marcou apenas quatro vezes.

Por que escalar o MNM?

.
Trio MNM ainda não embalou no PSG – Julien Poupart/Getty Images

Apesar da falta de sequência, uma simples frase poderia responder a questão a favor do MNM: “Porque os três são craques, oras”. Companheiros dos tempos de um Barcelona que encantou o mundo, Neymar e Messi sempre tiveram boa química em campo e fora dele.  O brasileiro também conhece Mbappé como poucos e os jogadores já desempenharam bom futebol, incluindo na campanha do vice-campeonato da Liga dos Campeões 2019/20.

Continua após a publicidade

 

Um ponto que pesa para Pochettino escalar os três é a vontade de responder as críticas, que incomodam a ele e ao trio. Em coletiva de imprensa na véspera do jogo contra o Real Madrid, Neymar foi questionado sobre um time melhor sem os craques. “Discordo. Nós três da frente atacamos e defendemos juntos. Quando eu e Messi estávamos no Barcelona, era igual. Se você não acha que jogamos bem juntos, respeito, mas amanhã você verá”, disse, possivelmente dando dicas sobre a escalação.

Por que barrar o MNM?

Neymar e Mbappé comemoram após vitória do PSG sobre o Real Madrid na Champions -
Neymar e Mbappé comemoram após vitória do PSG sobre o Real Madrid na Champions – Franck Fife/AFP

Caso Mauricio Pochettino decida “comprar a briga” e barrar a escalação dos craques, motivos racionais não faltam. A maior dificuldade de Pochettino é inegavelmente encaixar os três em uma equipe taticamente equilibrada. Para o funcionamento do sistema defensivo, um maior esforço dos jogadores é exigido, mas nem sempre há êxito: em muitos casos, os adversários têm tido facilidade para criar, o que pode ser fatal diante de um ataque como o do Real Madrid.

Se todos eles estiverem em condições para o jogo e um dos três for sair, naturalmente será Neymar. Em fase pior do que os companheiros, o brasileiro teve pouca sequência na temporada, devido a problemas físicos. Messi, apesar dos números abaixo, mostrou mais do que o companheiro e Mbappé é o destaque. Para enfrentar o Real Madrid, a presença do atacante francês ainda reúne pequenas dúvidas, tendo em vista uma entrada sofrida pelo astro em treinamento.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês