ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Maradona quer voltar à seleção: ‘Tiraram nosso prestígio’

Maradona compartilhou uma tabela em que aparece com o melhor desempenho dentre os últimos treinadores argentinos

Por Gazeta Press Atualizado em 20 out 2021, 18h35 - Publicado em 15 nov 2017, 18h06

Diego Maradona quer voltar a ser técnico da seleção argentina. Através de suas redes sociais, o ex-jogador publicou uma tabela em que mostra o aproveitamento dos últimos treinadores que estiveram à frente do time, com ele como o mais bem-sucedido dos comandantes recentes da equipe nacional.

Consternado com a derrota sofrida pela para a Nigéria, por 4 a 2, nesta terça-feira, Diego Maradona lamentou a “perda de prestígio” de uma das principais seleções do planeta, que sofreu para se classificar à Copa do Mundo e parece não ter evoluído desde então. “Quem ganhou mais? Tiremos nossas conclusões, estou esquentado porque tiram o nosso prestígio, mas os jogadores não têm culpa. Eu quero voltar”, escreveu Maradona como legenda da tabela publicada em uma de suas redes sociais.

https://www.instagram.com/p/BbfKYx0g3zv/?taken-by=maradona

 

Em 24 jogos comandando a seleção argentina entre os anos de 2008 e 2010, Diego Maradona conquistou 18 vitórias e sofreu seis derrotas. Na Copa do Mundo da África de Sul, em seu último ano, conseguiu levar a equipe até as quartas de final, onde foi eliminada para Alemanha por 4 a 0. Atualmente dirige o Al-Fujairah, dos Emirados Árabes Unidos.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade