ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Libertadores: Fluminense bate River Plate na Argentina e avança em 1º

Clube carioca se recuperou de derrota em casa na última rodada e, com triunfo por 3 a 1 no Monumental de Nuñez, se garantiu nas oitavas de final

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 19h39 - Publicado em 25 Maio 2021, 21h11

O Fluminense não se intimidou diante de um dos clubes mais vitoriosos do continente na última década e bateu o River Plate por 3 a 1 na noite desta terça-feira, 25, no Monumental de Núñez, em Buenos Aires, pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Os gols de Caio Paulista, Nenê e Yago Felipe garantiram ao clube carioca o primeiro lugar do grupo D, com 11 pontos. Apesar do tropeço, a equipe argentina também avançou às oitavas de final.

O clube tricolor, que havia desperdiçado a chance de se classificar antecipadamente na última rodada, ao perder no Maracanã para o Junior Barranquilla, da Colômbia, alcançou a segunda fase em grande estilo, diante do campeão de 2015 e 2018 e vice em 2019. O River, que na última rodada bateu o Santa Fe de forma heroica, sem reservas e com o meia Enzo Pérez improvisado como goleiro, contou com o retorno de nove atletas que estavam com Covid-19, mas foi superado pela equipe carioca.

Logo no início da partida, Caio Paulista abriu o placar após assistência do atacante Fred. Pouco depois, os veteranos voltaram a decidir: Fred, de 37 anos, deu belo passe para Nenê, 39, finalizar de esquerda e vencer o goleiro Franco Armani. Mesmo com a expulsão do zagueiro Jonatan Maidana, o River pressionou na segunda etapa e diminuiu com Federico Girotti. No entanto, já nos acréscimos Yago Felipe recebeu de Abel Hernández e selou a vitória tricolor.

No outro jogo da chave, Santa Fe e Junior Barranquilla empataram em 0 a 0, resultado que classificou o River como segunda da chave. Com o primeiro lugar, o Fluminense terá a vantagem de encarar uma equipe classificada em segundo nas oitavas. Os duelos serão definidos sorteio.

Com o resultado, o Fluminense alcançou outra marca importante: se tornou o segundo clube brasileiro a bater o River e o Boca Juniors, os principais clubes da Argentina, em Buenos Aires, em jogos válidos pela Libertadores, igualando feito do Cruzeiro.

Nenê, do Fluminense, marcou o segundo gol da equipe diante do River Plate -
Nenê, do Fluminense, marcou o segundo gol da equipe diante do River Plate – Lucas Merçon/Fluminense F.C.
Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade