CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Justiça recua e libera a entrada de torcedores no Maracanã

Decisão ocorre com a partida entre Vasco e Fluminense já em andamento, depois de confusão com a PM e de muitos torcedores terem deixado a porta do estádio

Por Da Redação Atualizado em 28 set 2021, 14h29 - Publicado em 17 fev 2019, 18h09

Em mais uma reviravolta, entre as várias ocorridas neste domingo, a Justiça liberou a entrada de torcedores na final da Taça Guanabara – o primeiro turno do Estadual do Rio – disputada entre Vasco e Fluminense no Maracanã. A decisão ocorreu com a partida já em andamento e depois de parte dos torcedores terem abandonado a porta do estádio e ido embora.

Pouco tempo antes do início do jogo, o Juizado Especial do Torcedor no Maracanã havia confirmado a decisão da desembargadora de plantão do Tribunal de Justiça do Rio, Lucia Helena do Passo, que determinou, na madrugada deste domingo, 17, que a partida fosse realizada com os portões fechados. A decisão foi tomada após pedido do Fluminense, porque os dois clubes chegaram a um impasse em relação a qual torcida deveria ficar alocada no setor sul do estádio.

O Vasco, mandante da partida, queria assumir o risco da multa de R$ 500 mil definida pela desembargadora – mais de 30 mil ingressos haviam sido vendidos pelo clube antecipadamente – e tentou derrubar a medida na Justiça. Após a confirmação pelo Juizado Especial Criminal (Jecrim) de que a partida ocorreria com os portões fechados, torcedores vascaínos com ingressos nas mãos tentaram invadir o Maracanã e foram reprimidos pela Polícia Militar, que disparou bombas de efeito moral. A Polícia Militar usou bombas de gás e cassetetes. Houve torcedores feridos, e alguns foram presos.

Com os portões fechados e com o jogo já em andamento, muitos torcedores já haviam haviam deixado a porta do estádio, quando veio nova decisão de que a entrada seria liberada.

Fluminense e Vasco chegaram à decisão da Taça Guanabara após vencer Flamengo e Resende, respectivamente, nas semifinais. O clube vascaíno está com aproveitamento de 100% no torneio e enfrenta o rival tricolor carioca, que perdeu apenas uma partida no torneio, justamente para o rival deste domingo, e tem o melhor ataque da competição.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês