CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Jogadores do Napoli são alvos de ofensas racistas; MP da Itália investiga

Koulibaly, Osimhen e Anguissa foram ofendidos por torcedores na vitória do Napoli, no domingo; Fiorentina se desculpou com atletas por atos

Por Da Redação Atualizado em 4 out 2021, 10h49 - Publicado em 4 out 2021, 10h45

O zagueiro senegalês Kalidou Koulibaly, do Napoli, denunciou por meio de suas redes sociais ter sido alvo de ofensas racistas de um grupo de torcedores da Fiorentina, no último domingo, 3. As equipes se enfrentaram em Florença, em confronto pela sétima rodada do Campeonato Italiano. O Napoli venceu por 2 a 1 e retomou a liderança, com 100% de aproveitamento.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

“’Macaco de m…’. Foi assim que eles me chamaram. Essas pessoas não têm nada a ver com esporte. Elas precisam ser identificadas e mantidas fora dos estádios: para sempre”, registrou o defensor.

View this post on Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Kalidou Koulibaly (@kkoulibaly26)

Além de Koulibaly, o atacante nigeriano Victor Osimhen e o meio-campista camaronês Andre-Frank Zambo Anguissa, ambos do Napoli, também teriam sido alvos no confronto, segundo informações do jornal La Gazzetta dello Sport.

A Federação Italiana de Futebol (FIGC, pela sigla original) afirmou em nota que abriu investigação para apurar o caso. O jogador também foi ouvido pelo Ministério Público local: “nas próximas horas, outros passos da investigação serão realizados, adquirindo os documentos relevantes na sede da polícia de Florença”, disse a entidade, em trecho publicado.

Continua após a publicidade

A Fiorentina também se manifestou dizendo ter pedido desculpas a Koulibaly representados pelo dirigente Joe Barone. “Apresentamos um pedido de desculpas em nome do clube ao clube anfitrião e aos jogadores que foram vítimas de gritos vergonhosos e intoleráveis”. O clube disponibilizou à polícia imagens de vídeo para identificar os responsáveis.

O clube ainda diz que, assim que identificados os torcedores, proibirá o acesso de cada um deles ao estádio. O atacante Osimhen teve um comunicado publicado pela conta oficial do Napoli, em que diz: Fale com seus filhos, seus pais, faça-os entender como é nojento odiar um indivíduo por causa da cor de sua pele. NÃO AO RACISMO”.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade