Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Ibrahimovic: ‘Não vim para ser mascote, vou ajudar o Milan em campo’

Atacante de 38 anos disse que busca “última dose de adrenalina” da carreira na Itália

Por Da Redação Atualizado em 27 set 2021, 11h45 - Publicado em 3 jan 2020, 14h40

Zlatan Ibrahimovic matou as saudades da badalação do futebol europeu nesta quinta-feira, 3, ao ser apresentado oficialmente no Milan diante de uma multidão de torcedores e jornalistas. Aos 38 anos, o atacante sueco disse que decidiu retornar ao clube italiano em busca de “uma última dose de adrenalina”. A conhecida autoconfiança, claro, o acompanhou.

“Não vim para ser um mascote, vou ajudar em campo”, avisou Ibra, que assinou contrato até o final desta temporada, com opção de extensão por mais um ano. “Recebi a chamada do Paolo Maldini (diretor técnico do clube) depois do último jogo em Los Angeles. Recebi mais ofertas aos 38 anos do que quando tinha 20.

O atacante sueco vinha defendendo o Los Angeles Galaxy desde 2018, após ter passado por Malmö, Ajax, Juventus, Inter de Milão, Barcelona, o próprio Milan, Paris Saint-Germain e Manchester United. Ibrahimovic declarou que a decisão não foi difícil e que rapidamente fez as malas para retornar com um contrato de seis meses, oito anos após a primeira passagem pelo Milan, durante a qual foi campeão italiano.

O veterano garantiu estar em forma e se mostrou ansioso para um duelo com a grande estrela da liga italiana, Cristiano Ronaldo, da Juventus. “Estava treinando por conta própria, porque gosto de estar ativo. Só sinto falta da bola. Mas estou pronto. Ter Cristiano Ronaldo aqui na Itália é muito bom. Vamos ver o que acontece.”

Ibra escolheu um número de camisa incomum para sua nova aventura europeia: o 21, em uma brincadeira com as iniciais de seu nome (ZI).  Sobre a possibilidade de continuar em Milão depois que o contrato expirar, ‘Ibra’ disse que tudo vai depender dos resultados que obtiver.

“Eu nunca perdi a minha paixão. Vamos ver como vão correr estes seis meses. Se eu der alguma coisa, poderei continuar contribuindo, então aí vou ficar no time. Não vou querer ficar só porque sou o Zlatan Ibrahimovic, não estou interessado. Tenho 38 anos e sei o que tenho de fazer, mesmo que o estilo e o jogo tenham mudado.”

O Milan ocupa hoje a 11ª colocação do Campeonato Italiano com 21 pontos, exatamente a metade da líder e rival local Inter de Milão.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade