CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Guia: Liga dos Campeões tem reencontros, azarões e volta de público

Torneio começa nesta terça-feira com destaque para PSG x Manchester United e voltará a colocar Messi e Cristiano Ronaldo frente à frente

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 20h57 - Publicado em 20 out 2020, 09h13

A edição 2020/2021 da Liga dos Campeões da Europa começa nesta terça-feira, 20, cinquenta e oito dias após o término de um formato mais compacto, disputado em sua fase final em Lisboa, e que consagrou o Bayern de Munique como campeão com 100% de aproveitamento, feito inédito na história da competição.

O retorno do torneio de clubes mais aclamado do mundo contará com uma novidade em relação à última fase final realizada em Lisboa, em meio à pandemia do coronavírus: a presença do público, condicionada pela Uefa com lotação máxima de até 30% de torcedores nos estádios, dependendo de aprovação de autoridades locais.

Em campo, a nova Liga trará à tona novamente a rivalidade entre Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, reforços badalados na última janela de transferências, estreantes candidatos a azarões e outras novidades. Outra reunião badalada será o do atacante uruguaio Edinson Cavani com o PSG. Maior artilheiro da história da história do clube francês, ele se transferiu ao Manchester United. Os dois times se enfrentam nesta terça, em Paris, mas como Cavani não foi relacionado, o reencontro foi adiado para Old Trafford.

A fase de grupos acontecerá até 9 de dezembro, enquanto a final está programada para 29 de maio de 2021, em Istambul, na Turquia. Confira, abaixo, os destaques desta edição e os jogos da rodada inaugural.

‘The last dance’: Messi x Ronaldo

Por obra do destino, a possível última temporada de Messi pelo Barcelona terá, ao menos, dois confrontos com Cristiano Ronaldo pela fase de grupos da competição. O primeiro deles acontece já neste mês, no dia 28, válido pela segunda rodada, em Turim. Juventus e o clube espanhol ficaram no Grupo G com Ferencváros e Dinamo de Kiev.

Messi e Ronaldo já protagonizaram 35 confrontos, com o argentino em vantagem em quase tudo. São 16 vitórias, contra nove do português; 22 gols marcados, diante de 19 do rival. Por La Liga, Messi também tem larga vantagem: 10 triunfos, contra quatro de CR7.

Curiosamente, foram poucos encontros pela Liga dos Campeões, com duas vitórias de Messi, uma de Ronaldo, além de dois empates. Messi balançou as redes três vezes, enquanto Ronaldo só uma. A maior parte deles na competição ocorreu na passagem de Cristiano Ronaldo pelo Manchester United. O Barcelona de Messi ainda venceu o Manchester de Ronaldo em uma final, em 2009, por 2 a 0, em Roma.

Cristiano Ronaldo pela Juventus, e Messi pelo Barcelona, voltarão a se enfrentar em confronto pela Champions League – Paolo Bruno/Pedro Salado/Getty Images

Os nomes mais caros

Líder de investimentos nas principais ligas, o Chelsea movimentou 223 milhões de euros em contratações (1,4 bilhão de reais) e fez, também, a mais cara delas: o jovem atacante alemão Kai Havertz, do Bayer Leverkusen, por 80 milhões de euros (500 milhões de reais). Havertz tem bom início pelo novo clube, com quatro gols marcados em seis jogos.

Além dele, outro nome aguardado é o do volante Arthur, negociado pelo Barcelona com a Juventus por 72 milhões de euros (460 milhões de reais). Até aqui o brasileiro jogou pouco, somente duas vezes. “Chegou em um campeonato novo, um time diferente e uma maneira diferente de jogar. É preciso tempo”, disse o técnico estreante Andrea Pirlo, a jornalistas em entrevista recente.

Thiago Alcântara, apenas a 43ª transferência em valores, também é nome a ser observado. Melhor jogador da última final, o brasileiro naturalizado espanhol trocou o Bayern pelo Liverpool por 22 milhões de euros (144 milhões de reais). Luis Suárez, no Atlético de Madrid; Edinson Cavani, no Manchester United; Timo Werner, no Chelsea, e Leroy Sané, no Bayern, são as outras novidades.

Brasileiros para ficar de olho

Vinícius Junior e Rodrygo Goes, do Real Madrid
Vinícius Junior e Rodrygo Goes, do Real Madrid TF-Images/Getty Images

A fase de grupos da Liga dos Campeões reunirá 71 jogadores brasileiros, seis a mais do que na temporada passada. O número poderia ainda ser maior considerando nomes de brasileiros que se naturalizaram por outros países, casos de Emerson Palmieri e Jorginho, pela Itália, além de Marlos e Junior Moraes, pela Ucrânia.

A competição trará nomes conhecidos como o do meia Philippe Coutinho, de volta ao Barcelona após conquistar o título pelo Bayern de Munique, o zagueiro Thiago Silva, agora no Chelsea, e o lateral esquerdo Alex Telles, que trocou o Porto pelo Manchester United, e algumas promessas aguardadas.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Entre as novidades, Antony, do Ajax, e Reinier, do Borussia Dortmund. O ex-são paulino tem desempenho bastante elogiado durante a pré-temporada. Em cinco partidas foram três gols marcados.

Reinier, por sua vez, ainda busca por espaço no Dortmund. Outras esperanças recaem sobre a dupla brasileira do Real Madrid Rodrygo e Vinicius Junior. O último tem se destacado no início de temporada.

Favoritos

Desde o título da Inter de Milão, em 2010, só Bayern, Real, Chelsea e Liverpool venceram a competição. Do quarteto, o atual campeão Bayern perdeu Thiago e contratou os atacante Leroy Sané, do Manchester City, Douglas Costa, da Juventus, e Choupo-Moting, do PSG. A equipe iniciou a temporada sustentando invencibilidade, mas já foi goleada por 4 a 1 por Hoffenheim, pela Bundesliga.

O Real Madrid, por sua vez, faz a melhor campanha entre os grandes em La Liga. É o terceiro colocado, mas pode ultrapassar Real Sociedad e Villarreal por ter um jogo a menos. Chelsea e o Liverpool ainda tem início irregular na Premier League, ocupando a terceira e oitava colocação, respectivamente. Além de Thiago, o Liverpool também fez outras contratações como o atacante Diogo Jota e o lateral Tsimikas.

A Juventus de Cristiano Ronaldo e o Barcelona de Messi jamais podem ser descartados, assim como PSG de Neymar e o Manchester City, do técnico Pep Guardiola e do meia Kevin De Bruyne. Atlético de Madri e Inter de Milão correm por fora.

Atual campeão, Bayern entra forte novamente Manu Fernandez/Pool/Getty Images

A nova Atalanta

Se na última edição, a estreante Atalanta surpreendeu e encantou o mundo, chegando até as quartas de final, desta vez há ainda mais brechas para novos candidatos a estreantes azarões. Os times da vez são Rennes, Krasnodar, Istambul Basaksehir e Midtjylland.

O Rennes faz boa campanha na Ligue 1. É o atual terceiro colocado, a apenas dois pontos de distância do líder Lille. O clube, por sinal, caiu no mesmo grupo do Krasnodar, apenas sétimo colocado e com campanha irregular na liga local. Completam a chave E o Sevilla e o Chelsea, favoritos às vagas.

O Istambul Basaksehir começou a Super Lig da Turquia em baixa. Apenas uma vitória em cinco partidas disputadas e a penúltima colocação até aqui em cinco jogos disputados. O dinamarquês Midtjylland, por sua vez, caiu no grupo considerado mais complicado, ao lado de Liverpool, Ajax e Atalanta. O time ocupa só o quinto lugar na atual edição da Superliga, primeira divisão do país.

Os jogos da primeira rodada

Terça-feira, 20

13h55 – Zenit x Club Brugge
13h55 – Dínamo Kiev x Juventus
16h – Rennes x Kransnodar
16h – Chelsea x Sevilla
16h – Lazio x Borussia Dortmund
16h – Barcelona x Ferencváros
16h – Paris Saint-Germain x Manchester United
16h – RB Leipzig x Istanbul Basaksehir

Quarta-feira, 21

13h55 – Red Bull Salzburg x Lokomotiv Moscou
13h55 – Real Madrid x Shakhtar Donetsk
16h – Bayern de Munique x Atlético de Madrid
16h – Inter de Milão x Borussia Mönchengladbach
16h – Olympiacos x Olympique de Marselha
16h – Manchester City x Porto
16h – Ajax x Liverpool
16h – Midtjylland x Atalanta

Os grupos da Liga dos Campeões 2020/2021
Os grupos da Liga dos Campeões 2020/2021 Uefa/Divulgação

UOL Esporte Clube | Assine e acompanhe transmissões de grandes jogos e programas esportivos de onde você estiver.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês