Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Guerrero nega aposentadoria: ‘Jamais desistirei da seleção peruana’

Atacante do Flamengo teve suspensão por doping ampliada para 14 meses e ficará fora da Copa do Mundo

Por AFP Atualizado em 28 set 2021, 20h38 - Publicado em 18 Maio 2018, 19h37

O atacante Paolo Guerrero garantiu nesta sexta-feira em suas redes sociais que não vai desistir de defender a seleção do Peru, após ver a suspensão de 14 meses por doping imposta pela Corte Arbitral do Esporte (CAS) tirá-lo da Copa do Mundo.

Tabela completa de jogos da Copa do Mundo de 2018

“Eu jamais desistiria da possibilidade de representar meu país”, disse Guerrero em sua conta no Facebook e Instagram. “Eu quero jogar pela minha seleção. Estou com minha seleção até a morte”, disse o atacante do Flamengo.

O capitão da seleção testou positivo para uma substância presente na cocaína após teste realizado em 5 de outubro, ao final da partida das Eliminatórias da Copa contra a Argentina. O Flamengo suspendeu o contrato do atacante, que expira em agosto, depois da suspensão do CAS.

Publicidade