ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Governo de SP libera volta do público aos estádios a partir de outubro

Haverá uma escalada gradativa na liberação do público; a partir do dia 1º de novembro, está autorizada a lotação completa das arenas

Por Da Redação 24 set 2021, 09h38

O governo de São Paulo autorizou nesta quinta-feira, 23, a volta do público nos estádios de futebol a partir do dia 4 de outubro. Segundo o comitê científico do estado, a capacidade será limitada para 30%, com o cumprimento de todas as normas sanitárias e de prevenção contra a Covid-19.

Os organizadores dos eventos esportivos serão responsáveis pelas normas sanitárias de prevenção no combate à doença. A partir daí, haverá uma escalada gradativa na liberação do público. Do dia 15 ao dia 30 de outubro, será permitida a entrada de metade da capacidade das arenas. A partir do dia 1º de novembro, está autorizada a lotação completa das arenas.

Para o ingresso nos estádios, os clubes devem exigir um comprovante com esquema vacinal completo. Quem ainda não tiver tomado as duas doses da Coronavac, AstraZeneca e Pfizer ou a dose única da Janssen, deverá ter ao menos uma dose de vacina e apresentar um teste negativo com validade de 48h para os do tipo PCR ou 24h para os testes de antígeno. O uso de máscara é obrigatório em todos os setores do estádio.

Em Pernambuco, o governo estadual anunciou que, a partir de segunda-feira, está permitida a presença de público nos estádios. É mais um importante passo para que a torcida retorne às arquibancadas na Série A do Campeonato Brasileiro.

A condição definida pelos clubes é que 100% das praças tenham aval das autoridades. Com isso, para o Brasileirão voltar a ter portões abertos, resta apenas um acordo do Bahia e da federação baiana com as autoridades locais. No último dia 8, 19 dos 20 clubes votaram que a torcida só voltaria na Série A se todas as cidades tivessem autorização. O Flamengo foi o único a votar contra.

Continua após a publicidade

Publicidade