CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Goleiro é levado para hospital após ataque de explosivos na Bolívia

Agressão a Daniel Vaca, do The Strongest, partiu de torcedores do rival, Jorge Wilstermann

Por EFE Atualizado em 28 set 2021, 12h56 - Publicado em 29 abr 2019, 11h43

O goleiro de The Strongest, Daniel Vaca, foi levado para um hospital depois que um grupo de torcedores do Jorge Wilstermann jogou pelo menos dez explosivos na área de atuação do goleiro durante partida do Campeonato Boliviano de futebol neste domingo, 28, em La Paz.

A transmissão televisiva mostrou que a agressão aconteceu aos 46 minutos do segundo tempo, quando uma discussão entre os jogadores obrigou o juiz da partida – disputada na casa de The Strongest – a distribuir cartões amarelos.

As imagens mostram que da arquibancada em que estavam torcedores do Jorge Wilstermann, foram lançados vários explosivos perto do gol de Daniel, que provocaram pelo menos dez detonações. Um grupo de policiais foi até o local da arquibancada de onde foram jogados os explosivos para tentar prender o responsável pela agressão ao experiente goleiro de 40 anos.

Após o incidente, uma ambulância levou Daniel para que recebesse atendimento médico em um hospital próximo, enquanto os torcedores de The Strongest protestavam contra a atitude da torcida rival.

“Vergonha!” escreveu no Twitter o The Strongest, que publicou um trecho da transmissão televisiva onde se mostra a agressão, que obrigou o árbitro a encerrar a partida, que terminou com vitória por 2 a 1 para os donos da casa.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês