Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Flamengo abre vantagem na liderança do ranking PLACAR

Palmeiras, o maior pontuador de 2020, ganhou duas posições. Já disponível nas plataformas digitais, edição dos campeões chega às bancas nesta sexta, 19

Por ´Rodolfo Rodrigues Atualizado em 23 set 2021, 20h16 - Publicado em 18 mar 2021, 11h15

Capa da edição de março da Revista Placar -
Edição de março de PLACAR homenageia os campeões da temporada 2020 Reprodução/Placar

A PLACAR de março, que chega às bancas de todo o Brasil na próxima sexta-feira, 19, reverencia os campeões da temporada de 2020 do futebol brasileiro, atipicamente encerrada no ano seguinte, em razão da trágica pandemia do novo coronavírus. A ausência de torcedores no estádio foi um golpe duríssimo no que o jogo tem de mais essencial, mas não diminuiu a importância e o peso das conquistas do Flamengo, bicampeão brasileiro de forma consecutiva, e do Palmeiras, vencedor da Copa Libertadores e também da Copa do Brasil. Além de pôsteres, entrevistas e dados de almanaque, a edição traz também a atualização do ranking de títulos da PLACAR, do qual o Flamengo abriu vantagem na liderança.

A edição dos campeões já está disponível em nossas plataformas digitais e chega às bancas de todo o Brasil a partir da próxima sexta-feira, 19.
Clique aqui e assine PLACAR com preço especial, a partir de 7,90 reais por mês!

Depois de ganhar a Libertadores, o Brasileirão e o Carioca em 2019, o Flamengo assumiu a liderança do Ranking PLACAR de títulos, deixando o Corinthians, o então maior campeão da década, para trás. Agora, na temporada 2020, que se encerrou em 2021, o rubro-negro conquistou quatro títulos (Supercopa do Brasil, Recopa Sul- americana, Carioca e Brasileirão), somou 31 pontos e abriu 41 de vantagem sobre o Timão, que passou em branco em 2020.

O Palmeiras, campeão da Libertadores, da Copa do Brasil e do Paulistão, foi o time que mais pontuou no ranking em 2020 (38 pontos), e o que mais ganhou posições. Quinto colocado em 2019 com 372 pontos, o Verdão saltou para 410 pontos, deixou São Paulo (402) e Santos (400) para trás, e assumiu a 3ª colocação. Curiosamente, Flamengo e Palmeiras se enfrentarão na Supercopa do Brasil (vale 3 pontos), em jogo único, no dia 11 de abril.

O time paulista terá pela frente também outro torneio curto em breve, a Recopa Sul- americana contra o Defensa y Justicia, da argentina, que pode lhe render mais 7 pontos. Depois de Flamengo e Palmeiras, a Chapecoense foi o clube que mais pontou no Ranking PLACaR em 2020. Campeão daSérie B do Brasileirão, o time de Chapecó ganhou também o Campeonato Catarinense e somou 5 pontos, indo agora para o 48º lugar.

Entre os doze grandes, além de Fla e Palmeiras, apenas outros dois clubes pontuaram em 2020: o Grêmio (campeão gaúcho) e o atlético-MG (campeão mineiro). Nessa atualização do Ranking, outro time que ganhou posição, além do Palmeiras entre os primeiros colocados, foi o Fortaleza (campeão cearense), que foi para o 20º lugar, ultrapassando o Santa Cruz. Na lista dos campeões estaduais, houve ainda quatro times que venceram os campeonatos pela primeira vez na história: Galvez- aC, Rio Branco de Venda Nova-ES, Nova Mutum- MT e Salgueiro-PE.

Confira, abaixo, os oito primeiros colocados (o ranking completo está na edição) e os critérios de PLACAR:

Ranking PLACAR de 2021
Ranking PLACAR de 2021 PLACAR/Reprodução

 

OS CRITÉRIOS DO RANKING

25 pontos: Interclubes (Intercontinental e Copa Toytota) e Mundial de Clubes da Fifa

20 pontos: Copa Libertadores e Campeonato Sul-Americano de Campeões

15 pontos: Campeonato Brasileiro e Torneio Roberto Gomes Pedrosa

Continua após a publicidade

12 pontos: Copa do Brasil e Taça Brasil

Continua após a publicidade

10 pontos: Copa Mercosul, Supercopa Libertadores e Copa Sul-Americana

7 pontos: Copa Conmebol e Recopa Sul-Americana

6 pontos: Campeonatos e Supercampeonatos Paulista e Carioca

4 pontos: Torneio Rio-São Paulo, Campeonatos e Supercampeonatos Mineiro e Gaúcho, Copa Sul/Sul-Minas, Centro-Oeste, Copa do Nordeste/Campeonato do Nordeste, Copa Norte-Nordeste e Copa dos Campeões

3 pontos: Supercopa do Brasil, Série B, Campeonatos e Supercampeonatos Paranaense, Baiano e Pernambucano

2 pontos: Copa Norte, Copa Verde, Campeonatos Catarinense, Cearense, Goiano e Paraense

1 ponto: Outros Estaduais, Série C

0,5 ponto: Série D

O CHORO É LIVRE – As polêmicas do Ranking PLACAR

COPA RIO
Palmeiras e Fluminense consideram os torneios de 1951 e 52 como um Mundial. A taça, no entanto, só é reconhecida pelos clubes.

TAÇA BRASIL
O campeonato, embora fosse o único nacional de 1959 a 1966, é semelhante à Copa do Brasil — por isso os 12 pontos.

RECOPA MUNDIAL
Disputada em 1968. Dos dois clubes europeus, um desistiu. Sobrou a Inter-ITA, que só jogou a primeira partida contra o Santos e desistiu da segunda.

COPAS OURO E MASTER
Caça-níqueis da Conmebol disputados entre 1993 e 1996. São desconsiderados, assim como a Copa Suruga.

NORDESTÃO
Os torneios disputados em 1971, 1975 e 1976 são descartados por não contarem com os clubes que jogaram o Brasileiro desses anos

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade