ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Ferroviária deixa escapar acesso à Série C apesar de campanha histórica

Clube do interior paulista perdeu apenas um dos 20 jogos que disputou na competição, mas acabou eliminado na disputa por pênaltis para o Atlético-CE

Por Da Redação Atualizado em 18 out 2021, 13h25 - Publicado em 18 out 2021, 11h17

A eliminação nos pênaltis para o Atlético-CE, no último domingo, 17, em Araraquara, foi a mais dolorosa das últimas cinco tentativas consecutivas de acesso da Ferroviária de subir à terceira divisão nacional. Após empatar por 0 a 0, o time desperdiçou quatro cobranças e sucumbiu nas quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro após uma campanha dominante: 12 vitórias, sete empates e uma única derrota em 20 jogos. O cenário é de desolação.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

“Acho que o Atlético não deu um chute a gol, mas foi para os pênaltis. É triste, sinto muita dor e tristeza pelos atletas, pelo clube, porque era um passo importante para todos nós, mas é vida que segue. A gente tem que recomeçar porque é assim que o esporte nos prega, às vezes ganha, às vezes perde. No geral, foi positivo. Negativo é não termos conseguido o acesso”, explicou o técnico Elano.

Vitorioso como jogador, com passagem marcante pelo Santos e tendo disputado a Copa do Mundo de 2010 com a seleção brasileira, Elano encontrou em Araraquara o primeiro trabalho de destaque como treinador. Antes, havia assumido o Santos nas rodadas finais do Campeonato Brasileiro de 2017, já sem ambições, e passado sem grande destaque pela Inter de Limeira e pelo Figueirense. O contrato tem duração até o fim do Paulista de 2022.

“Nos pênaltis, todos que bateram tiveram grande percentual na semana, treinamos todos os dias, não temos que condenar ninguém. Os treinos foram ótimos, os que perderam não tinham perdido nos treinos um pênalti sequer. Estou triste, todos estão. Eu sabia o quanto era importante o acesso para o clube”, lamentou.

Continua após a publicidade

Elano sucumbiu na Série D com apenas uma derrota em 20 jogos -
Elano sucumbiu na Série D com apenas uma derrota em 20 jogos – Associação Ferroviária de Esportes/Divulgação

Tradicional no cenário do futebol, a Ferroviária se transformou em uma sociedade anônima neste século e começou a colher frutos recentemente. Potência no futebol feminino, o clube busca galgar prestígio na modalidade masculina e, para isso, conta com um projeto ousado.

Partida em Araraquara terminou empatada em 0 a 0 -
Associação Ferroviária de Esportes/Divulgação

No torneio, o time foi derrotado na estreia pelo Uberlândia e, desde então, mantém invencibilidade de 19 jogos e quase cinco meses. Líder do grupo na fase inicial com 10 vitórias em 14 jogos, a equipe de Araraquara era favorita para conquistar o acesso. Porém, o regulamento da Série D faz a fase final com mata-mata, o que foi o ponto fraco para a Ferroviária.

Antes das quartas de final, a classificação sobre o Brasiliense e o Esportivo-RS deixaram o time a uma rodada da glória: o acesso. Contudo, o Atlético-CE não cedeu espaços e, após empatar os dois jogos conquistou a classificação.

O fim de semana decretou os quatro clubes que garantiram o acesso na Série D do Campeonato Brasileiro: ABC, Aparecidense, Atlético-CE e Campinense. As equipes, que disputarão a Série C da próxima temporada, agora avançam à semifinal para a disputa do título da divisão.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade