CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Felipão diz que tem oferta da seleção da Colômbia; federação nega

Treinador disse que ficará no Palmeiras em 2019 e espera ter a companhia do atacante Dudu. “Rezo para que ele permaneça”

Por Da redação Atualizado em 28 set 2021, 15h21 - Publicado em 8 jan 2019, 14h20

O treinador do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, concedeu sua primeira entrevista coletiva de 2019 na manhã desta terça-feira, 8, na Academia de Futebol e revelou seu desejo de permanecer no clube, apesar de propostas de Colômbia e China. O treinador também falou sobre o craque do Campeonato Brasileiro de 2018, Dudu, que teria propostas do mercado internacional após sua valorização no ano passado.

“(As conversas com a Colômbia) não continuaram. Mas parece que eles querem continuar. Não vou dizer nem que sim, nem que não, mas tenho um contrato com o Palmeiras. E o clube já sabe, inclusive com relação a um convite do futebol chinês, de que eu não iria sair. Parece que a Colômbia não entendeu ainda que eu não vou sair. Aumentam valores, mas não é só uma questão de valores. Fosse por isso, eu teria aceitado um convite chinês”, afirmou.

Sobre Dudu, o treinador afirmou que o clube não recebeu nenhuma proposta oficial e manifestou seu desejo de contar com o camisa 7 em 2019. “Tomara que apareçam as propostas por A ou B, e vamos analisar. O clube analisa, o jogador analisa, e aí vamos ver o que vai acontecer. Gostaria e rezo para que o Dudu permaneça e ele está fazendo seu trabalho com uma dedicação espantosa. Pode ser que ele leia algo nos jornais, mas pelo que vejo nos treinos, ele não está preocupado com isso.”

O treinador gaúcho de 70 anos, que passou três temporadas no Guangzhou Evergrande, da China, e treinou o Chelsea e a seleção portuguesa, disse que para Dudu pode ser mais interessante permanecer no Palmeiras.

“No futebol europeu, tem muito jogador de equipes grandes que, com o imposto que se paga, ganham o mesmo que no Brasil. E no futebol chinês, há situações que estão sendo vividas que nos fazem raciocinar. Tem clubes da segunda divisão que não pagam, que estão fechando as portas, por exemplo. Não sei quais são os clubes interessados no Dudu e nem posso opinar sobre isso. Era muito interessante pela parte financeira e continua sendo. Mas depende da vontade de cada um. O Dudu, sendo um jogador excepcional no futebol brasileiro, pode ter o sonho de jogar na seleção, de jogar na Europa.”

Federação Colombiana nega contato

Em nota oficial, a Federação Colombiana de Futebol anunciou que nenhum membro do Comitê Executivo da entidade fez proposta ao técnico Luiz Felipe Scolari para dirigir a seleção principal do país. Afirmou também que nunca realizou uma proposta financeira para o cargo. A entidade encerra afirmando que celebra a decisão do treinador de permanecer no Palmeiras, já que, por parte deles, não existe nenhuma oferta de trabalho.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade