CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

‘Douglas Costa é um mercenário’, ataca presidente do Bayern

Uli Hoeness explicou motivo do empréstimo do brasileiro à Juventus

Por Da redação Atualizado em 20 out 2021, 20h49 - Publicado em 24 ago 2017, 12h29

O presidente do Bayern de MuniqueUli Hoeness, não poupou críticas a Douglas Costa, que defendeu o clube entre 2015 e 2017 antes de ser emprestado à Juventus nesta temporada. Em entrevista concedida ao jornal alemão Frankenpost nesta quarta-feira, o dirigente afirmou que o atleta é movido por dinheiro. “Douglas Costa não funcionou porque é mercenário e não gostamos disso aqui”, afirmou Hoeness, curto e grosso.

O problema começou em fevereiro, quando o jogador afirmou ter recebido propostas milionárias da China. A atitude irritou o presidente, que considerou que Costa estaria forçando um aumento. “É uma tentativa desesperada de se conseguir um salário maior. Isso não funciona conosco. Ele pode tentar mais dez vezes”, disse Hoeness na ocasião. 

Antes do início desta temporada, o brasileiro foi emprestado por dois anos à Juventus da Itália por seis milhões de euros (22 milhões de reais), com opção de compra por 40 milhões de euros (148 milhões de reais) ao término do período.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês