Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Daniel Alves: ‘Optei por não assinar com nenhum clube o resto do ano’

Após saída do São Paulo e negociação fracassada com o Fluminense, veterano diz ter realizado sonho no Morumbi e opta por ao menos alguns meses de descanso

Por Da Redação 24 set 2021, 15h03

O lateral-direito Daniel Alves não joga mais em 2021. Após sair do São Paulo insatisfeito com o atraso no pagamento de salários, o jogador de 38 anos não chegou a um acordo com o Fluminense e também não se mostrou feliz com nenhuma outra proposta de times brasileiros. Além disso, a possibilidade de ir para fora do país (clubes árabes e mexicanos demonstraram interesse) não agradou o jogador. Nas redes sociais, Daniel Alves revelou que optou por tirar ao menos dois meses de descanso.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

“Vim ao Brasil por um sonho de criança, e o sonho foi realizado. Ser campeão com o clube do coração não tem preço. Não é sobre dinheiro, é sobre valores, é sobre hombridade, é sobre caráter, É SOBRE LEGADO”, iniciou Daniel Alves o seu discurso.  “As decisões difíceis precisam ser tomadas, mas como sempre nada na minha vida foi fácil. É apenas mais uma decisão.”

“Agradeço a todos pelo interesse, mas gostaria que o capitulo fosse fechado sem nenhuma interferência. Sei que foi comentado muitas coisas, mas a verdade é só uma, vim aqui por um sonho e saio daqui realizado. Muito obrigado”, completou o veterano, jogador com mais títulos como profissional em todos os tempos (42 no total). 

Daniel Alves retornou extremamente badalado ao país. O jogador que havia ficado dezesseis anos na Europa e conquistado diversos títulos durante suas passagens por Sevilla, Barcelona (local no qual obteve mais sucesso), Juventus e PSG foi contratado para vestir a camisa 10 do São Paulo, clube de seu coração. Escalado muitas vezes como meio-campista central, Dani não conseguiu corresponder as expectativas.

O fim do casamento, porém, aconteceu apenas em 2021, com a insatisfação do atleta em relação aos salários atrasados do clube paulista por sua postura, sobretudo em entrevistas. Após acordo de rescisão, o São Paulo pagará 18 milhões de reais ao jogador, parcelados em cinco anos. No Morumbi, o único título foi o último Campeonato Paulista, em que Daniel foi reserva no jogo decisivo.

  • Desde que ficou livre no mercado, o polivalente jogador foi especulado em times do Brasil, no entanto, a negociação que mais avançou foi com o Fluminense. Apesar da animação por parte tricolor, as conversas fracassaram após divergências salariais, por isso, Daniel decidiu não assinar com nenhum clube até o início de 2022, quando a janela de transferências abre na Europa.

    Sem clube, Daniel Alves se distanciou da seleção brasileira e ficou de fora da última convocação de Tite. O jogador, que tem duas Copas do Mundo no currículo espera disputar seu terceiro mundial, no Catar, em 2022, quando estará com 39 anos.

    Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

    Continua após a publicidade
    Publicidade