CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Cuca, Bielsa e mais: os técnicos disponíveis no mercado

Enquanto clubes brasileiros estão insatisfeitos com seus treinadores, nomes desempregados ganham força nos debates

Por Da redação 9 jun 2022, 10h44

O futebol brasileiro é conhecido pela pouca paciência com trabalhos de técnicos. Em 10 rodadas do Brasileirão, sete profissionais já foram demitidos, o que movimentou o mercado. Além das saídas, outras torcidas também estão insatisfeitas, incluindo Atlético Mineiro e Flamengo, campeão e vice do último campeonato nacional, respectivamente.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Tendo em vista a situação instável em alguns times, nomes desempregados ganham força nos debates. PLACAR separou nove treinadores livres no mercado, confira:

Cuca

Campeão mineiro, do Brasileiro e da Copa do Brasil em 2021, o treinador deixou o Atlético Mineiro alegando questões familiares. Especulado no Flamengo, Cuca também é querido pelos torcedores do Galo. O profissional, no entanto, não deu indícios de que vai assumir algum clube.

Marcelo Bielsa

Bielsa foi demitido do Leeds após temporadas de sucesso -
Bielsa foi demitido do Leeds após temporadas de sucesso – Peter Powell/EFE

Após passagem de quatro anos no Leeds United, que culminou em retorno do tradicional clube à elite inglesa, o argentino está livre no mercado. Dono de um estilo de jogo ofensivo, teve o nome especulado no Brasil anos atrás. O alto salário pode ser o primeiro empecilho.

Fábio Carille

Campeão brasileiro de 2017 com o Corinthians, Carille foi demitido recentemente do Athletico Paranaense, após 21 dias. Menos badalado do que outros nomes desta lista, pode ser boa opção para equipes que buscam organização defensiva.

Renato Gaúcho

Renato Gaúcho foi demitido do Flamengo -
Renato Gaúcho foi demitido do Flamengo – Buda Mendes/Getty Images

O ex-jogador deixou o Flamengo depois de um ano passado de decepções. Cogitado para assumir o Vasco, em boa fase na Série B, Renato perdeu espaço entre os grandes. Entretanto, o trabalho no Grêmio entre 2016 e 2021 ainda pode pesar positivamente para o técnico.

Continua após a publicidade

Gabriel Heinze

Quando jogador, Heinze passou por Manchester United e Real Madrid. Por outro lado, à beira do campo, o argentino ainda precisa se provar. Sem clube desde 2021, quando foi demitido do Atlanta United, é conhecido por ser rígido no cotidiano.

Sylvinho

Muito criticado durante trabalho no Corinthians, o brasileiro está livre no mercado. Licenciado como treinador pela Uefa, chegou a ser posto como grande promessa na área, mas ainda não concluiu algum trabalho relevante.

Carlos Queiroz

Nascido em Moçambique na época de colonização portuguesa, Carlos Queiroz vem de quatro trabalhos consecutivos em seleção: Portugal, Irã, Colômbia e Egito. Auxiliar do Manchester United entre 2004 e 2008, tem bom currículo e pode ser boa opção para grandes do Brasil.

Tiago Nunes

Desde que deixou o Athletico Paranaense para assumir o Corinthians no início de 2020, Tiago não empolgou. Passou por Grêmio e Ceará e encerrou os ciclos sem sucesso. Com fama de estudioso, pode ser uma aposta.

Paulo Fonseca

Altos valores afastaram Paulo Fonseca do Brasil -
Altos valores podem afastar Paulo Fonseca do Brasil – AS Roma/Divulgação

Alvo antigo do Flamengo, Paulo Fonseca é um nome com passagens por grandes mercados da Europa. O moçambicano (nascido nos anos de colonização portuguesa) já passou por Porto, Shakhtar Donetsk e Roma, mais recentemente. Desde que deixou o clube italiano, em 2021, está desempregado.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês