ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Cruzeiro anuncia saída de Felipão antes do encerramento da Série B

Diante de incertezas sobre o planejamento, clube e treinador optaram por um rompimento consensual; contrato tinha validade até o fim de 2022

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 20h34 - Publicado em 25 jan 2021, 10h48

Luiz Felipe Scolari não é mais técnico do Cruzeiro. O clube mineiro anunciou nesta segunda-feira, 25, o rompimento do contrato de forma consensual das duas partes após pouco mais de três meses de trabalho. Felipão não comandará a equipe no último compromisso pela Série B do Campeonato Brasileiro, na partida contra o Paraná, no próximo dia 29.

Em 12º lugar na competição, com 48 pontos, o Cruzeiro já não tem mais chances de retorno à elite do futebol nacional nesta temporada. Em nota, o clube agradeceu o treinador pelo trabalho de recuperação nas 21 partidas em que comandou o time, com nove vitórias, oito empates e quatro derrotas, um aproveitamento de 55,5% dos pontos disputados.

“Scolari e sua comissão técnica cumpriram a importante missão de recuperar o Cruzeiro no Campeonato Brasileiro da Série B”, disse o clube em um trecho. “O Cruzeiro agradece e reconhece todo o trabalho, dedicação e profissionalismo de Felipão e seu staff para com o clube neste momento importante, e deseja toda sorte e felicidade ao técnico campeão do mundo e sua comissão.”

O Cruzeiro sofre com uma série de problemas como salários atrasados e também incertezas com relação a montagem do elenco para 2021. O projeto era longo, para que Felipão permanecesse, ao menos, até o fim de 2022, data do término do contrato assinado com o clube mineiro.

Aos 72 anos, Felipão aceitou a missão de assumir o clube com apenas 13 pontos e na 19ª colocação do campeonato após 16 rodadas. O comandante do Penta foi o terceiro treinador do Cruzeiro na Série B. Antes dele, Enderson Moreira e Ney Franco comandaram o time celeste na competição.

Assine DAZN | 30 dias grátis para curtir os maiores craques do futebol mundial ao vivo e quando quiser!

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade