ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Copa América: Argentina e Chile empatam em estreia no Rio

Lionel Messi marcou um belo gol de falta e Vargas empatou na segunda etapa

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 19h20 - Publicado em 14 jun 2021, 19h58

Em busca de um título que não conquista desde 1993, a Argentina iniciou a Copa América de 2021 com um empate em 1 a 1 com o Chile, em um duelo repleto de rivalidade, no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, na noite desta segunda-feira, 14. Lionel Messi, marcou, de falta, um belo gol na primeira etapa, enquanto Eduardo Vargas empatou no complemento.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

Como ocorrerá em todas as partidas da competição, não houve presença de público no Engenhão. Antes de a bola rolar, houve uma série de homenagens à lenda argentina Diego Armando Maradona, morto no ano passado, aos 60 anos.

O jogo era uma reedição das decisões de 2016 e 2016, ambas vencidas pelo Chile, e também da última decisão de terceiro e quarto lugares, na qual a Argentina levou a melhor com Messi expulso no começo da partida. Desta vez, o camisa 10 argentino controlou os nervos e foi o destaque da primeira etapa, ao marcar, aos 32 minutos, um lindo gol de falta. O goleiro Claudio Bravo se esticou e chegou a tocar na bola, mas a curva tornou o lance indefensável. Lautaro Martínez, um dos destaques da Inter de Milão na temporada, teve uma boa chance ainda na primeira etapa, mas furou.

No complemento, o Chile voltou melhor e conseguiu o empate em pênalti assinalado pelo VAR, quando Nicolás Tagliafico errou a bola e acertou Arturo Vidal.Na cobrança, o goleiro Emiliano Martínez defendeu o chute de Vidal, mas, no rebote, Eduardo Vargas marcou, de cabeça. O atacante do Atlético Mineiro chegou a 13 gols em Copas América e está a quatro de igualar o recorde do brasileiro Zizinho e o argentino Norberto Méndez.

A Argentina, então, voltou a pressionar e poderia ter chegado ao segundo em duas jogadas em que Messi deixou Nico González em boa situação: na primeira, ele errou ao buscar um passe em vez de finalizar e, na segunda, cabeceou para fora. O técnico Lionel Scaloni foi ao ataque nos minutos finais com as entradas de Sergio Aguero e Ángel Correa, mas a defesa chilena conseguiu se segurar.

Com o empate, as equipes ficam com um ponto no grupo B, que tem ainda Bolívia, Paraguai e Uruguai. Na próxima rodada, a equipe alviceleste encara o Uruguai, na sexta-feira, 18, mesmo dia em que o Chile enfrenta a Bolívia.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade