CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Clubes russos recorrem contra punição que proíbe Champions e mais torneios

Zenit, CSKA Moscou, Dínamo Moscou e Sochi tentam mudar decisão no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS); sorteio de fase preliminar ocorre em 7 de junho

Por Da redação 13 Maio 2022, 19h13

Mesmo ainda em conflitos pela invasão da Rússia a Ucrânia, iniciado há 79 dias, Zenit, CSKA Moscou, Dínamo Moscou e Sochi – clubes da elite do futebol russo – anunciaram nesta sexta-feira, 13, terem entrado com recurso no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), órgão independente que funciona como uma espécie de corte surprema na qual são julgados os casos relativos ao esporte, para reaver a decisão da Uefa de excluir as seleções masculina e feminina da Rússia e os clubes do país das competições organizadas pela entidade na temporada 2022/23.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Os quatro clubes ocupam as primeiras quatro colocações na liga local, o que classificaria as equipes à Liga do Campeões, Liga Europa e Conference League. A entidade, contudo, proibiu equipes de futebol masculino, feminino e até das de categorias de base de atuarem nos torneios.

“Informamos que o nosso clube, assim como outros três clubes da RPL – Zenit, Dínamo e Sochi – interpuseram recurso no Tribunal Arbitral do Esporte de Lausanne (CAS) contra a decisão da Uefa de 2 de maio de 2022 de retirar clubes russos das competições europeias”, confirmou o CSKA pelas redes sociais.

Continua após a publicidade

No comunicado em seu site, o clube ainda diz esperar “que o princípio esportivo seja respeitado” e que “o clube se esforça para jogar competições europeias e lutará por lugares altos no campeonato até o final”.

Os clubes pedem por uma rápida resolução do caso já que o sorteio para a fase preliminar da Champions ocorre no próximo dia 7 de junho.

Mário Fernandes, lateral brasileiro do CSKA Moscou
Mário Fernandes, lateral brasileiro do CSKA Moscou – Epsilon/Getty Images

Na punição anunciada pela Uefa, entre as principais novidades está a não participação do país na próxima Liga das Nações, que teve a França como campeã no último ano. A seleção estava classificada pela quarta colocação do grupo 2 da Liga B. Além disso, também será rebaixada a Liga C.

Outra punição acontece no futebol feminino. O país também foi excluído da competição que ocorrerá entre os dias 6 e 31 de julho, na Inglaterra. A seleção de Portugal entrará em sua vaga no grupo C.

A entidade também descartou a possibilidade de uma candidatura a Eurocopa de 2028 ou 2032, cogitada pelo país por meio da União Russa de Futebol (RFU, na sigla original).

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 14,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês