ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Clube norueguês vence Roma por 6 a 1 e impõe maior derrota de Mourinho

Atual campeão norueguês, o Bodo/Glimt não tomou conhecimento da tradicional equipe italiana em jogo da Conference League

Por Da Redação Atualizado em 21 out 2021, 18h51 - Publicado em 21 out 2021, 16h00

O futebol norueguês viveu uma noite histórica nesta quinta-feira, 21. O Bodo/Glimt, atuou campeão do país, não tomou conhecimento da Roma e venceu a equipe italiana por 6 a 1, em jogo válido pela terceira rodada da Conference League, novo torneio criado pela Uefa, uma espécie de “terceira divisão” da Liga dos Campeões.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

Esta foi a primeira vez em mais de 1.000 ocasiões que uma equipe dirigida pelo técnico português José Mourinho, consagrado por montar fortes defesas, levou seis gols em uma mesma partida. O resultado foi tratado como “escandaloso” pelo portal lusitano Mais Futebol, e como uma “humilhação” pelo diário italiano La Gazzetta Dello Sport.

Mourinho concedeu entrevista após a partida e causou polêmica ao dizer que a equipe que escalou, com diversos reservas, era inferior ao adversário. “A culpa é minha. Fui eu que decidi jogar com esta equipe. Fiz isso.lo com boa intenção, para dar oportunidade a gente que trabalha muito e não tem tido tantas oportunidades para jogar, e para dar descanso aos que jogam quase sempre. Perdemos para uma equipe que tinha mais qualidade do que nós. O nosso onze inicial era inferior ao do Bodo”, disse.

“Corri um risco grande porque há uma grande diferença entre os titulares e os outros. Eu sabia das limitações dos nossos jogadores, mas esperava uma resposta diferente”, acrescentou.

Continua após a publicidade

Considerado uma das favoritas ao título, a Roma sofreu na gelada cidade de Bodo e levou uma impiedosa goleada. Botheim (duas vezes), Solbakken (duas vezes), Pellegrino e Berg marcaram os gols dos donos da casa, enquanto Carles Pérez fez o gol de honra da equipe italiana.

Com a vitória, o Bodo/Glimt foi a sete pontos em três partidas e agora é o líder do grupo C, com um ponto a mais que a Roma. CSKA Sofia, da Bulgária, (2 pontos) e Zulya, da Ucrânia (1) completam a chave. Noruegueses e italianos voltam a se enfrentar na quarta rodada, dia 4 de novembro, no Estádio Olímpico.

Outro candidato ao título a sofrer um resultado embaraçoso foi justamente o Tottenham, ex-equipe de Mourinho que sequer conseguiu se classificar à Liga Europa, e nesta tarde perdeu por 1 a 0 para o Vitesse, na Holanda. Atualmente, a equipe londrina é dirigida por outro português, Nuno Espírito Santo. O Tottenham é o terceiro colocado do grupo G com 4 pontos, quatro a menos que o Rennes, da França, e dois atrás do Vitesse. O Mura, da Eslovênia, ainda não pontuou.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade