CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Campeão, Palmeiras já responde rivais: ‘Tem Copinha, tem Mundial’

Mesmo com a conquista de título inédito, torcedores rivais seguem atualizando as provocações; palmeirenses dão o antigo coro por encerrado

Por Da redação Atualizado em 25 jan 2022, 14h44 - Publicado em 25 jan 2022, 14h32

Foram longos anos em que o torcedor do Palmeiras precisou ouvir rivais repetirem a plenos pulmões o coro provocativo: “o Palmeiras não tem Mundial. O Palmeiras não tem Mundial. Não tem Copinha, não tem Mundial Não tem Copinha, não tem Mundial”. Nesta terça-feira, 25, com a vitória por 4 a 0 sobre o Santos na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o palmeirense pôde, enfim, comemorar o título inédito da competição e, ao mesmo tempo, ter aquele gostinho especial de colocar um ponto final nos gracejos. Ou não?

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

“É campeão! Mais uma página histórica foi escrita: a Copa SP é nossa! E agora?”, publicou o clube nas redes sociais, seguido da hasthag TemCopinhaTemMundial, referindo-se a recente conquista e ao troféu da Copa Rio, conquistado em 1951, com um empate por 2 a 2 contra a Juventus, da Itália, no Maracanã, considerado pelo clube e torcida como o do Mundial de Clubes.

A famosa música cantada pelas torcidas adversária é inspirada no ritmo de “História pro Sinhôzinho”, de Dorival Caymmi. A canção gravada em 1947 ajudava no ritmo do coro já que os rivais não consideram a Copa Rio de 1951 como equivalente a um título mundial, além de nunca terem conquistado uma Copinha até então.

Continua após a publicidade

Mesmo depois da conquista inédita dos meninos da base, os rivais vêm tentando atualizar a brincadeira, fazendo adaptações como, “O Palmeiras não tem Mundial, bi-rebaixado, não tem Mundial”, lembrando dois rebaixamentos do Palmeiras à Série B do Campeonato Brasileiro, em 2002 e 2012.

Na próxima quinta-feira, 3, data em que se inicia a disputa pelo Mundial de Clubes, nos Emirados Árabes, o Palmeiras terá a chance de acabar de uma vez por todas com a provocação dos rivais se conseguir chegar à final e garantir a taça.

O primeiro confronto do Palmeiras no Mundial será contra o vencedor da partida entre Monterrey, do México e Al Ahly, do Egito, no dia 8 de fevereiro.

O prazo de inscrição de jogadores, inicialmente marcado para segunda-feira, 24, foi remarcado para dois dias antes do início de cada equipe na competição — dia 6 de fevereiro, portanto, no caso do Palmeiras. A medida é benéfica para o campeão da Libertadores, que ainda busca o seu tão desejado camisa 9.

O motivo dessa mudança de data, segundo a entidade, é a nova onda de casos de Covid-19, que tem aumentado o número de infecções no mundo inteiro, inclusive nos clubes de futebol, afetando a saúde dos jogadores e a dinâmica dos campeonatos.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 14,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês