ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Brilho de Vini Jr e Antony e azar de Everton; os brasileiros na Champions

Rodada da Liga dos Campeões contou com destaque de ‘brazucas’ do Real Madrid e Alisson essencial para vitória do Liverpool

Por Da Redação Atualizado em 21 out 2021, 09h03 - Publicado em 21 out 2021, 08h32

As três primeiras rodadas da Liga dos Campeões foram disputadas e cenários de classificação já estão desenhados. Como de costume, jogadores brasileiros espalhados pelo Velho Continente se destacaram e chamaram a atenção do mundo. O principal nome da semana foi o do atacante Vinícius Júnior, titular absoluto do Real Madrid, elogiado por toda a imprensa espanhola após marcar dois gols na vitória por 5 a 0 contra o Shakhtar Donetsk.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 14,90/mês

Vini Jr. e Rodrygo comandaram a vitória do Real -
Vini Jr. e Rodrygo comandaram a vitória do Real – ./Getty Images

Brasileiros de ponta

Vivendo bom início de temporada, o Real Madrid de Carlo Ancelotti conta com o boa fase de dois jovens do Brasil: Vinícius Júnior e Rodrygo. Com seis pontos na Champions League, após um tropeço para o Sheriff logo na rodada inaugural, a equipe merengue tem sete gols no torneio, quatro deles foram anotados pelos atacantes brasileiros.

Compondo as pontas do trio de ataque que tem como figura central o francês Karim Benzema, os jogadores revelados por Flamengo e Santos dão velocidade e drible às jogadas ofensivas. E assim foi contra o Shakhtar Donetsk, na última terça-feira, 19, quando o camisa 20 marcou dois bonitos gols e ainda deu passe para Rodrygo marcar seu sétimo tento em 786 minutos de Champions League (média pouco inferior a um gol a cada 90 minutos).

Com isso, a dupla brasileira dominou a imprensa espanhola e Vinícius Júnior chegou a ser comparado a Ronaldo Fenômeno pelo diário Marca: “Contra o Shakhtar assinou uma dobradinha que lembrou o melhor Ronaldo Nazario em tudo.”.

Antony tem duas assistências e um gol nesta Champions -
Antony tem duas assistências e um gol nesta Champions – ANP Sport/Getty Images

A encantadora canhota de Antony

O ponta brasileiro Antony não tem poupado velocidade, dribles e gols jogando pelo Ajax. O atleta lançado pelo São Paulo já atrai olhares do gigante europeu Bayern de Munique por partidas como a sua última, quando o time de Amsterdã goleou por 4 a 0 o Borussia Dortmund. Responsável por exercer importante papel tático, o atacante é muito ativo pelo lado direito de campo, posicionamento que já refletiu em duas assistências no torneio. Ele também deixou a sua marca nesta semana, com bela finalização de perna esquerda.

Alisson fez a diferença na vitória dos Reds -
Alisson fez a diferença na vitória dos Reds – ./Getty Images
Continua após a publicidade

Goleiro que ganha jogo

Quando o Liverpool pagou 62,5 milhões de euros (278 milhões de reais à época) para tirar Alisson da Roma, o clube inglês buscava exatamente por um goleiro que decidisse. Investimento justificado. Essencial nos títulos da Liga dos Campeões de 2018/19 e da Premier League 2019/20, o arqueiro decidiu mais uma partida: a vitória por 3 a 2 sobre o Atlético de Madrid pela terceira rodada da Champions League, no Wanda Metropolitano. Algoz do ataque colchonero (apelido do clube espanhol em alusão ao uniforme listrado em branco e vermelho que lembra colchões tradicionais da Espanha no início do século XX), o brasileiro defendeu três bolas finalizadas de dentro da área e, sem suas intervenções, a vitória do time de Jurgen Klopp seria improvável.

Cebolinha marcou contra diante do Bayern -
Cebolinha marcou contra diante do Bayern – Joao Rico/Getty Images

A tentativa lisboeta

Com apoio de sua torcida no estádio da Luz, o Benfica tentou frear o potente Bayern de Munique. O placar do jogo, porém, terminou com um 4 a 0 para o time bávaro. A equipe treinada por Jorge Jesus dificultou a vida dos alemães ao proteger muito bem a área com o zagueiro brasileiro Lucas Veríssimo, presente na última convocação da seleção, e obrigou o goleiro alemão Manuel Neuer fazer defesas importantes.

Por outro lado, quando a bola entrou e inaugurou o marcador para o Bayern aos 25 minutos do segundo tempo, o sistema benfiquista se desequilibrou e, pouco depois, Everton Cebolinha – atacante que brilhou pelo Grêmio, mas ainda não se consolidou no futebol europeu-, jogou contra o próprio patrimônio ao tentar cortar cruzamento, para início de uma goleada alemã em plena Lisboa.

Falta companhia?

.
Claudinho jogou bem, mas não bastou para o Zenit Sportswire/Getty Images

A adatapção ao futebol europeu não parece ser mais um grande desafio para o meio-campista brasileiro Claudinho, recordista de premiações no último Campeonato Brasileiro pelo Red Bull Bragantino. Presente nas escalações do Zenit desde que chegou à Rússia junto ao compatriota Malcom, o camisa 11 ainda não conseguiu fazer o seu time surpreender na Champions, até então. Sempre influentes e com número alto de passes para finalização, os campeões olímpicos com a seleção brasileira parecem sentir falta de companhia para maiores sonhos continentais.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade

Publicidade