CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Bola de Ouro 2021 será entregue nesta segunda; confira os candidatos

Sem um favorito claro, prêmiação da revista 'France Football' acontece em Paris, a partir das 16h30 (de Brasília); PLACAR fará cobertura minuto a minuto

Por Da redação Atualizado em 29 nov 2021, 09h34 - Publicado em 29 nov 2021, 09h29

A Bola de Ouro, a mais tradicional premiação individual do futebol mundial, voltará a ser entregue nesta segunda-feira, 29, após quase dois anos não houve disputa em 2020, em razão da pandemia do novo coronavírus. Desta vez, a premiação da revista France Football não tem um favorito claro como em anos anteriores. Lionel Messi, dono de seis troféus, e Cristiano Ronaldo, de cinco, seguem na disputa, mas terão a forte concorrência de nomes como Robert Lewandowski, Karim Benzema, Kylian Mbappé, Kevin De Bruyne e Jorginho. Neymar está entre os 30 indicados, mas corre por fora. A Bola de Ouro 2021 começa às 16h30 (de Brasília) e terá transmissão em TV fechada da ESPN Brasil. PLACAR fará a cobertura minuto a minuto no site. 

Black Friday Abril: Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Criado em 1956 pela revista francesa, o prêmio é o mais longevo para escolher o melhor jogador do mundo em uma temporada. Faz companhia aos também prestigiosos The Best, da Fifa (criado em 1991 com o nome Melhor Jogador do Mundo e reativado em 2016) e o prêmio da World Soccer, fundado em 1982. Em 2009, a Bola de Ouro passou a ser entregue junto com a Fifa, o então chamado Fifa Ballon D’Or, mas a parceria se desfez em 2015. No ano passado, apenas o The Best foi disputado e vencido pelo polonês Lewandowski, do Bayern.

O Brasil não conquista uma Bola de Ouro desde Kaká em 2007, mas pode quebrar este jejum de 14 anos, ao menos de forma dividida, na premiação marcada para a próxima segunda-feira, 29, em Paris. O meio-campista Jorginho, catarinense de Imbituba e uma das referências da seleção italiana, está entre os concorrentes e tem a seu favor o fato de ter conquistado a Liga dos Campeões pelo Chelsea e a Eurocopa com a Azzurra, sempre com papel de destaque. A PLACAR de novembro, ele disse se sentir entre os principais concorrentes.

Lewandowski comemora seu gol pelo Bayern de Munique
Lewandowski é um dos nomes do ano M. Donato/FC Bayern/Focus Features

Em número de gols na última temporada, ninguém chega perto de Lewandowski: foram 63 bolas na rede, 22 a mais que Messi e Benzema, 20 a mais que Erling Haaland e 19 a mais que Mbappé. Em títulos, Messi não brilhou em sua temporada final pelo Barcelona (venceu a Copa do Rei), mas tem a ser favor o fato de ter erguido a Copa América no Brasil, encerrendo um jejum de 28 anos da seleção argentina.

Além do prêmio ao melhor jogador do ano no futebol masculino, serão entregues nesta segunda a Bola de Ouro feminina (sem brasileiras entre as indicadas) e os troféus Yashin, ao melhor goleiro e Kopa, ao melhor jogador sub-21 da temporada; confira todos os candidatos:

Bola de Ouro masculina 

Riyad Mahrez (Manchester City)
N’Golo Kanté (Chelsea)
Erling Haaland (Borussia Dortmund)
Leonardo Bonucci (Juventus)
Mason Mount (Chelsea)
Harry Kane (Tottenham)
Gianluigi Donnarumma (Milan, PSG)
Karim Benzema (Real Madrid)
Raheem Sterling (Manchester City)
Nicolò Barella (Inter)
Lionel Messi (Barcelona, PSG)
Bruno Fernandes (Manchester United)
Pedri (Barcelona)
Luka Modric (Real Madrid)
Giorgio Chiellini (Juventus)
Kevin De Bruyne (Manchester City)
Neymar (PSG)
Ruben Dias (Manchester City)
Lautaro Martínez (Inter)
Simon Kjaer (AC Milan)
Robert Lewandowski (Bayern de Munique)
Jorginho (Chelsea)
Mohamed Salah (Liverpool)
Cesar Azpilicueta (Chelsea)
Romelu Lukaku (Inter, Chelsea)
Cristiano Ronaldo (Juventus, Manchester United)
Gerard Moreno (Villarreal)
Phil Foden (Manchester City)
Kylian Mbappé (PSG)
Luis Suárez (Atlético de Madrid)

Continua após a publicidade

 

Bola de Ouro feminina

Stina Blackstenius (Häcken)
Kadidiatou Diani (PSG)
Christiane Endler (PSG, Lyon)
Magdalena Eriksson (Chelsea)
Jessie Fleming (Chelsea)
Pernille Harder (Chelsea)
Jennifer Hermoso (Barcelona)
Marie-Antoinette Katoto (PSG)
Sam Kerr (Chelsea)
Fran Kirby (Chelsea)
Ashley Lawrence (PSG)
Lieke Martens (Barcelona)
Samantha Mewis (Manchester City, North Carolina Courage)
Vivianne Miedema (Arsenal)
Sandra Paños (Barcelona)
Irene Paredes (PSG, Barcelona)
Alexia Putellas (Barcelona)
Wendie Renard (Lyon)
Christine Sinclair (Portland Thorns)
Ellen White (Manchester City)

Troféu Yashin (melhor goleiro)

Gianluigi Donnarumma (AC Milan / Paris Saint-Germain)
Ederson (Manchester City)
Kasper Schmeichel (Leicester City)
Édouard Mendy (Chelsea)
Thibaut Courtois (Real Madrid)
Keylor Navas (PSG)
Emiliano Martínez (Aston Villa)
Manuel Neuer (Bayern de Munique)
Jan Oblak (Atlético de Madrid)
Samir Handanovic (Inter)

Troféu Kopa (melhor jogador jovem)

Mason Greenwood (Manchester United)
Bukayo Saka (Arsenal)
Pedri (Barcelona)
Jeremy Doku (Rennes)
Ryan Gravenberch (Ajax)
Florian Wirtz (Bayer Leverkusen)
Jude Bellingham (Borussia Dortmund)
Giovanni Reyna (Borussia Dortmund)
Nuno Mendes (Paris Saint-Germain)

Kaká foi o último brasileiro a vencer a Bola de Ouro, em 2007
Kaká foi o último brasileiro a vencer a Bola de Ouro, em 2007 Alessandro Sabattini/Getty Images

lista de todos os vencedores do prêmio:

2020 – Não houve premiação
2019 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)
2018 – Luka Modric (Real Madrid/Croácia)
2017 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)
2016 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)
2015 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)
2014 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)
2013 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)
2012 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)
2011 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)
2010 – Lionel Messi (Barcelona /Argentina)
2009 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)
2008 – Cristiano Ronaldo (Manchester United/Portugal)
2007 – Kaká (Milan/Brasil)
2006 – Fabio Cannavaro (Real Madrid/Itália)
2005 – Ronaldinho (Barcelona/Brasil)
2004 – Andriy Shevchenko (Milan/Ucrânia)
2003 – Pavel Nedved (Juventus/Rep. Checa)
2002 – Ronaldo Nazário (Real Madrid/Brasil)
2001 – Michael Owen (Liverpool/Inglaterra)
2000 – Luís Figo (Real Madrid/Portugal)
1999 – Rivaldo (Barcelona/Brasil)
1998 – Zinedine Zidane (Juventus/França)
1997 – Ronaldo Nazário (Inter de Milão/Brasil)
1996 – Mattias Sämmer (Borussia Dortmund/Alemanha)
1995 – George Weah (Milan/Libéria)
1994 – Hristo Stoichkov (Barcelona/Bulgária)
1993 – Roberto Baggio (Juventus/Itália)
1992 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)
1991 – Jean-Pierre Papin (Marselha/França)
1990 – Lothar Matthäus (Inter de Milão/Alemanha)
1989 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)
1988 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)
1987 – Ruud Gullit (Milan/Holanda)
1986 – Igor Belanov (Dínamo Kiev/URSS)
1985 – Michel Platini (Juventus/França)
1984 – Michel Platini (Juventus/França)
1983 – Michel Platini (Juventus/França)
1982 – Paolo Rossi (Juventus/Itália)
1981 – Karl-Heinz Rummenigge (Bayern Munique/Alemanha)
1980 – Karl-Heinz Rummenigge (Bayern Munique/Alemanha)
1979 – Kevin Keegan (Hamburgo/Inglaterra)
1978 – Kevin Keegan (Hamburgo/Inglaterra)
1977 – Allan Simonsen (B. Moenchengladbach/Dinamarca)
1976 – Franz Beckenbauer (Bayern Munique/Alemanha)
1975 – Oleg Blockhine (Dínamo Kiev/URSS
1974 – Johann Cruijff (Barcelona/Holanda)
1973 – Johann Cruijff (Barcelona/Holanda)
1972 – Franz Beckenbauer (Bayern Munique/Alemanha)
1971 – Johann Cruijff (Ajax/Holanda)
1970 – Gerd Müller (Bayern Munique/Alemanha)
1969 – Gianni Rivera (Milan/Itália)
1968 – George Best (Manchester United/Inglaterra)
1967 – Florian Albert (Ferencváros/Hungria)
1966 – Bobby Charlton (Manchester United/Inglaterra)
1965 – Eusébio (Benfica/Portugal)
1964 – Dennis Law (Manchester United/Escócia)
1963 – Lev Iashin (D. Moscovo/URSS)
1962 – Josef Masopust (Dukla Praga/Checoslováquia)
1961 – Omar Sivori (Itália/Juventus)
1960 – Luis Suárez (Barcelona/Espanha)
1959 – Alfredo Di Stéfano (Real Madrid/Espanha)
1958 – Raymond Kopa (Real Madrid/França)
1957 – Alfredo Di Stéfano (Real Madrid/Espanha)
1956 – Stanley Matthews (Blackpool/Inglaterra)

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN! 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês