Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Após fim de jejum, Inter de Milão anuncia saída de técnico Antonio Conte

Clube e treinador anunciaram o rompimento consensual; projeto da Inter na próxima temporada prevê corte de gastos e venda de seus principais nomes

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 19h39 - Publicado em 26 Maio 2021, 15h18

A Inter de Milão comunicou na tarde desta quarta-feira, 26, a saída do técnico italiano Antonio Conte, responsável pela campanha que findou um jejum de 11 anos sem conquistas no Campeonato Italiano. Em nota, o clube explicou que o rompimento do contrato foi em comum acordo entre as partes.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

“Anunciamos que chegamos a um acordo para a rescisão consensual do contrato com o técnico Antonio Conte. Agradecemos a Antonio pelo extraordinário trabalho que realizou, culminando com a conquista do décimo nono Scudetto. Antonio Conte ficará para sempre na história do nosso clube”, afirma o clube.

Conte era o treinador mais bem pago e valorizado de todo o futebol italiano. Os nomes mais cotados para substituí-lo são os de Massimiliano Allegri, multicampeão com a Juventus e também citado para um retorno para o clube de Turim, e Simone Inzaghi, considerado um dos nomes mais promissores no país.

O fim do casamento, iniciado em junho de 2019, era anunciado pela imprensa italiana nos últimos dias. O jornal La Gazzetta Dello Sport publicou em sua capa os dizeres: “Conte e Inter, divórcio”.

O clube entende que precisará passar por um plano de contenção de gastos para a próxima temporada. A ideia é reduzir 20% a folha salarial e terminar o próximo ciclo de janela de transferências com um saldo de 100 milhões de euros (647 milhões de reais).

O treinador, por sua vez, analisa o plano como um retrocesso após temporadas em busca de recuperar o protagonismo no país e, em um próximo passo, nas competições europeias. A Inter é presidida pelo investidor chinês Steven Zhang.

Na China, Zhang também é criticado pelo fim do Jiangsu Suning, logo após a conquista de um campeonato nacional. Com o novo plano, astros como Romelu Lukaku, Lautaro Martínez e Achraf Hakimi podem ser negociados na próxima janela internacional de transferências.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade