CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

A campanha do Palmeiras, o 7º bicampeão consecutivo da Libertadores

Com a vitória sobre o Flamengo em Montevidéu, clube paulista igualou marca que não ocorria havia 20 anos na competição

Por Da Redação Atualizado em 27 nov 2021, 21h17 - Publicado em 27 nov 2021, 19h44

A América segue verde e branca pelo segundo ano seguido. O Palmeiras superou o Flamengo por 2 a 1, na noite deste sábado, 27, no estádio Centenário, em Montevidéu, e é o sétimo clube a conquistar a Copa Libertadores de forma consecutiva. Além da marca, o clube paulista alcança o tricampeonato do torneio que venceu pela primeira vez em 1999, e atinge o feito inédito de ser campeão em duas edições em um intervalo de apenas dez meses, já que a final de 2020 foi disputada em janeiro deste ano devido à pandemia de Covid-19.

Black Friday Abril: Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Antes eram seis os times que conseguiram a taça de forma seguida: Peñarol (1960-1961), Santos (1962-1963), Independiente (1964-1965/1972-1973/1974-1975), Estudiantes (1968-1969), Boca Juniors (1977-1978/ 2000-2001) e São Paulo (1992-1993). O Palmeiras, portanto, repetiu um feito que já durava duas décadas e do qual foi a principal vítima, já que perdeu a final de 2000 e a semifinal de 2001 para aquele Boca de Riquelme, Palermo e companhia.

Nesta temporada, o Palmeiras foi consistente. Pelo grupo A, conquistou quinze pontos entre 18 possíveis, marcando vinte gols, no grupo com Universitário (Peru), Independiente del Valle (Equador) e Defensa y Justicia (Argentina). Na fase de mata-mata, o clube despachou o Universidad Católica, do Chile, por 1 a 0 em ambos os jogos, e os rivais brasileiros São Paulo e Atlético-MG, respectivamente, nas quartas e semifinais.

Contra os são-paulinos nas quartas de finais, o time fez 3 a 0 no Allianz Parque, com gols de Raphael Veiga, Dudu e Patrick de Paula. Já o duelo contra o então considerado favorito Atlético foi marcado por emoção. No segundo jogo, o Palmeiras empatou no Mineirão em 1 a 1 com gol de Dudu, após um primeiro jogo sem gols. Por falar no atacante, ele se tornou uma das peças fundamentais no elenco. Dudu retornou ao clube em julho deste ano, após o empréstimo ao Al-Dubahil, do Catar, não ser estendido. Outro destaque do time na temporada é o meia-campista Raphael Veiga, que só ficou de fora de uma partida.

Boa parte do time campeão ano passado prevaleceu, entre eles, Weverton, Gustavo Gomez, Marcos Rocha, Gustavo Scarpa, Felipe Melo, Rony e Raphael Veiga – artilheiro e vice artilheiro do clube, com 6 e 4 gols-, e, claro, o técnico Abel Ferreira. O português chegou a ser criticado por não conseguir imprimir um futebol tão vistoso e apostar em formações táticas mais conservadoras. Nada disso importa mais. Abel já é um ídolo histórico e entrou para o seleto grupo de técnicos bicampeões da América.

Relembre a campanha completa do Palmeiras na Libertadores:

Primeira fase

UNIVERSITARIO (Peru) 2 X 3 PALMEIRAS
Monumental de Ate, Lima

Gols: Danilo (20’ do 1º); Raphael Veiga (7’ do 2º);
Gutiérrez (20’ e 23’ do 2º); Renan (48’ do 2º)

PALMEIRAS 5 X 0 IND. DEL VALLE (Equador)
Allianz Parque, São Paulo

Gols: Rony (10’ do 1º); Luiz Adriano (20’ do 1º); Patrick de Paula (19’ do 2º); Rony (28’ do 2º); Danilo Barbosa (35’ do 2º)

DEFENSA Y JUSTICIA (Argentina) 1 X 2 PALMEIRAS
Norberto Tomaghello, Florencio Varela

Gols: Rony (1’ do 2º); Rony (10’ do 2º) ;
Tripichio (22’ do 2º)

IND. DEL VALLE (Equador)  0 X 1 PALMEIRAS
Casablanca, Quito

Gol: Raphael Veiga (42’ do 1º)

PALMEIRAS 3 X 4 DEFENSA Y JUSTICIA (Argentina)
Allianz Parque, São Paulo

Gols: Walter Bou (9’ e 27’ do 1º); Matías Rodríguez (7’ do 2º); Zé Rafael (10’ do 2º); Willian (36’ do 2º); Scarpa (30’ do 2º); Romero (48’ do 2º)

Continua após a publicidade

PALMEIRAS 6 X 0 UNIVERSITÁRIO (Peru)
Allianz Parque, São Paulo

Gols: Viña (42’ do 1º); Zé Rafael (47’ do 1º); Gómez (10’ do 2º); Willian (15’ do 2º); Rony (32’ e 45’ do 2º)

Oitavas de final:

UNIVERSIDAD CATÓLICA (Chile) 0 X 1 PALMEIRAS
San Carlos de Apoquindo, Santiago

Gol: Raphael Veiga (42’ do 1º)

PALMEIRAS 1 X 0 UNIVERSIDAD CATÓLICA (Chile)
Allianz Parque, São Paulo

Gol: Marcos Rocha (36’ do 1º)

Quartas de final:

SÃO PAULO 1 X 1 PALMEIRAS
Morumbi, São Paulo

Gols: Luan (8’ do 2º); Patrick de Paula (28’ do 2º)

PALMEIRAS 3 X 0 SÃO PAULO
Allianz Parque, São Paulo

Gols: Raphael Veiga (11’ do 1º); Dudu (21’ do 2º);

Patrick de Paula (32’ do 2º)

Semifinal:

PALMEIRAS 0 X 0 ATLÉTICO-MG
Allianz Parque, São Paulo

ATLÉTICO-MG 1 X 1 PALMEIRAS
Mineirão, Belo Horizonte

Gols: Vargas (7’ do 2º); Dudu (23’ do 2º)

PALMEIRAS 2 X 1 FLAMENGO
Centenário, Montevidéu

Gols: Raphael Veiga (6′ do 1º, Gabriel Barbosa, aos 27′ do 2º e Deyverson e 5′ do ‘1º tempo da prorrogação)

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN! 

Continua após a publicidade

Publicidade