CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Fifa estende suspensão de contrato de atletas de times russos e ucranianos

Por conta da guerra entre os países, jogadores poderão ter seus vínculos suspensos até junho de 2023

Por Da redação 21 jun 2022, 09h53

A Fifa anunciou nesta terça-feira, 21, a extensão da regra temporária que permite a jogadores de clubes da Rússia e da Ucrânia suspenderem seus contratos para atuarem por outras equipes. A norma valia apenas até a metade deste ano, mas foi estendida por mais um ano, até junho de 2023.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

A medida foi tomada por conta da guerra na Ucrânia, que começou em fevereiro, quando tropas russas invadiram o país vizinho. Como o conflito ainda não terminou, a Fifa anunciou que vai “monitorar a situação de perto” para continuar adequando as regras se necessário.

O futebol na Ucrânia está paralisado desde o início da guerra. A seleção do país, inclusive, teve que se reunir para treinar em outros países para se preparar para os jogos decisivos da repescagem das Eliminatórias para a Copa do Mundo, com vários atletas sem fazer uma partida oficial durante todo o ano. O time acabou perdendo a vaga no Mundial para o País de Gales.

Em março, a Fifa puniu a Rússia esportivamente por causa da guerra, excluindo a seleção e os clubes do país de todas as competições internacionais, incluindo a Copa do Mundo e a Liga dos Campeões.

Assine o Amazon Prime e garanta 30 dias grátis de acesso ao Prime Video e outras vantagens

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês