CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Shogun e Lyoto precisam dar show para disputar cinturão

Quem vencer da forma mais espetacular, na noite deste sábado, enfrentará o campeão Jon Jones ou o desafiante Dan Henderson

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 20h52 - Publicado em 4 ago 2012, 10h33

O desafio foi lançado: das duas lutas principais com brasileiros neste sábado à noite, no UFC on Fox 4, em Los Angeles (Califórnia) – Maurício Shogun enfrenta Brendon Vera e Lyoto Machida luta com Ryan Bader -, o que conseguir a vitória mais convincente, mais espetacular, o que der mais show em cima do octógono, ganha o direito de disputar o cinturão dos meio-pesados com o vencedeor de outra disputa, no dia 1º de setembro, entre o atual campeão Jon Jones e Dan Henderson. Esta foi a forma mais eficaz que o presidente do UFC, Dan White, encontrou para promover a noitada de lutas.

Marqueteiro, Dana White sempre disse que queria realizar as lutas que os telespectadores sonham em assistir. Primeiro ele anunciou que o vencedor de Shogun x Vera enfrentaria o vencedor de Jones x Henderson. Houve muita reclamação, principalmente nas redes sociais. Então anunciou que Lyoto Machida e Ryan Bader também poderiam ter a chance de disputar o cinturão. A jornada de lutas deste sábado, que começa às 17h45, terá ainda outro brasileiro: Wagner Caldeirão, 25 anos, estreia na franquia contra o americano Phil Davis, na categoria meio-médio.

Leia também:

Anderson Silva só volta a lutar em 2013 –

Vitor Belfort confirma que lutará no UFC Rio 3, em outubro

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Com a possibilidade de disputar o título, Dana White obriga seus lutadores não só a vencer, mas a dar show dentro do octógono. Maurício Shogun vem de uma derrota para Dan Henderson, em uma das melhores lutas de 2011. Apesar do resultado negativo, o brasileiro fará o confronto principal desse sábado, e precisará lembrar seus tempos de Pride, extinto torneio de MMA: ser agressivo na trocação e se tiver chance terminar a luta no ground and pound. Além de atacar, Shogun precisa ter cuidado com os chutes e joelhadas de Brandon Vera, que vem de vitórias sobre Eliot Marshall, em outubro de 2011. Na segunda luta mais importante da noite, Lyoto Machita vem de derrota para o campeão Jon Jones, em dezembro de 2011. O carateca deve investir na combinação de socos e chutes para sair vitorioso. Leia também:

Nas lutas, Anderson Silva e Chael Sonnen invertem papéis

No auge da popularidade, o MMA vai dando adeus a suas lendas

‘Eu apanhei de Júnior Cigano. Mas quero minha revanche’

Infográfico UFC
Infográfico UFC VEJA


Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade