CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Roth festeja reação do Cruzeiro após 3 derrotas seguidas

Por AE São Paulo – O técnico Celso Roth exibiu alívio com a vitória por 2 a 0 sobre a Portuguesa, conquistada na noite da última quarta-feira, no Canindé, onde o Cruzeiro voltou a somar pontos depois de amargar três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro. O treinador destacou o fato de o time ter reagido […]

Por Da Redação 19 jul 2012, 09h46

Por AE

São Paulo – O técnico Celso Roth exibiu alívio com a vitória por 2 a 0 sobre a Portuguesa, conquistada na noite da última quarta-feira, no Canindé, onde o Cruzeiro voltou a somar pontos depois de amargar três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro. O treinador destacou o fato de o time ter reagido de forma positiva após cair por 3 a 1 diante do Grêmio, em Belo Horizonte, na rodada anterior da competição, em um jogo no qual chegou a estar perdendo por 3 a 0.

“O que nos deixou preocupados no jogo contra o Grêmio foi a falta de atitude. Não vamos tirar o mérito do Grêmio, que foi lá e fez uma bela partida, mas nós fomos muito mal. Fomos muito abaixo daquilo que vínhamos fazendo. Hoje (quarta-feira), não”, afirmou o comandante, para depois destacar que o time voltou a ser competitivo.

“Retomamos o nosso caminho, competimos aqui, porque o jogo aqui é competição, competimos e fomos felizes. Quando tivemos oportunidade, prevaleceu a técnica. O grupo está de parabéns. É muito importante, depois de três derrotas, retomarmos o nosso caminho. Essa é a importância deste jogo”, ressaltou.

O meia Montillo também elogiou a nova postura exibida pelo time cruzeirense e admitiu que um triunfo diante da Portuguesa era essencial para aliviar a crise que se criou após três derrotas consecutivas.

“Vitória importante, o time precisava muito desses três pontos. Jogamos com raça hoje (quarta), eles não fizeram gols e isso é importante, e no final, poderíamos ter feito mais gols. Mas o Brasileiro é assim, tem que jogar cada jogo como se fosse uma final e hoje foi”, disse o argentino.

O atacante Borges, por sua vez, enalteceu a entrega dos jogadores dentro de campo. “Todo mundo marcando, correndo, se dedicando. Tivemos várias oportunidades. A equipe correu, batalhou e hoje (quarta) vamos para a casa com o dever cumprido”, destacou.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês