Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Roger Federer: ‘Espero jogar pelo menos até os 35 anos’

Tenista suíço, número 2 do mundo, quer participar da Olimpíada de 2016, no Rio

Por Da Redação Atualizado em 7 out 2021, 13h15 - Publicado em 8 Maio 2013, 07h16

De volta às competições após quase dois meses, o suíço Roger Federer, número 2 do mundo, afirmou na terça-feira que pretende seguir jogando até os 35 anos. Federer atingirá essa idade durante os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. “Ainda sinto que tenho muitos anos pela frente”, afirmou o tenista de 31 anos, após vencer o checo Radek Stepanek em sua estreia no Masters 1000 de Madri. Para ele, enfrentar atletas com mais de 30 anos – Stepanek tem 34 -, fornece uma motivação extra. “É legal ter jogadores dessa geração. Se eu fosse o único com mais de 30, seria estranho.”

Leia também:

Djokovic é eliminado em Madri pelo namorado de Sharapova

Acerte um forehand como o de Roger Federer

Treinador é acusado de dar uma cabeçada em jogador

Maria Sharapova divulga ensaio de biquíni para revista

Federer quer ainda chegar ao 77º título profissional, que o igualaria ao americano John McEnroe, o terceiro com mais troféus na chamada Era Aberta do tênis – Federer tem 76 títulos até agora. O americano Jimmy Connors, com 109 títulos, e o checo Ivan Lendl, com 94, estão no topo da lista. O suíço também está próximo de chegar às 900 vitórias – tem 892. E, claro, a mais ambiciosa meta é voltar ao topo do ranking. “Não é um objetivo imediato. Mas se voltar forte, quem sabe.”

(Com Estadão Contéudo)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade