Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Rio de Janeiro recebe etapa brasileira da elite do surfe

Além do supercampeão Kelly Slater, torneio recebe o número 1 de 2012, o australiano Joel Parkinson, e o paulista Gabriel Medina, promessa brasileira

Por Da Redação Atualizado em 7 out 2021, 13h14 - Publicado em 8 Maio 2013, 12h14

Estava previsto para começar nesta quarta-feira, no Rio de Janeiro, o Billabong Rio Pro, etapa brasileira do World Championship Tour (WCT), principal torneio do surfe mundial. Mas os fortes ventos não permitiram que os surfistas caíssem na água e a estreia foi adiada para a manha de quinta-feira. O Billabong Rio Pro, que paga 500.000 dólares ao vencedor, cerca de 1 milhão de reais, conta com o americano Kelly Slater, que aos 41 anos continua surfando em alto nível e briga pelo décimo-segundo título. Quem também está na Barra da Tijuca é australiano Joel Parkinson, campeão da temporada 2012. Entre os brasileiros, os destaques são a nova geração do esporte. Campeão da última etapa na Austrália, em Bells Beach, uma das mais tradicionais do circuito, Adriano Mineirinho está na segunda bateria, ao lado dos australianos Matt Wilkinson e Yadin Nicol. Outro que briga para ser campeão é a promessa Gabriel Medina, que aos 19 anos já venceu o ídolo Kelly Slater mais de uma vez e vem treinando no Rio. O torneio vai até o dia 19 de maio e é transmitido ao vivo pelo site do World Championship Tour Brasil.

Leia também:

Leia também: O voo de Gabriel Medina, o jovem ídolo do surfe brasileiro

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade