CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Ricardo Jesus entende vaias da torcida e cobra maior empenho da Lusa

A terceira derrota seguida da Portuguesa neste Campeonato Brasileiro parece ter abatido os jogadores do elenco lusitano. Vaiados pelo pequeno público que compareceu ao Canindé nesta quarta-feira, os jogadores não demonstraram qualquer ressentimento com o seu torcedor e endossaram as críticas que foram feitas ao time após o revés por 2 a 0 para o […]

Por Da Redação 19 jul 2012, 00h03

A terceira derrota seguida da Portuguesa neste Campeonato Brasileiro parece ter abatido os jogadores do elenco lusitano. Vaiados pelo pequeno público que compareceu ao Canindé nesta quarta-feira, os jogadores não demonstraram qualquer ressentimento com o seu torcedor e endossaram as críticas que foram feitas ao time após o revés por 2 a 0 para o Cruzeiro.

Entre os mais abatidos pelo resultado estava o atacante Ricardo Jesus. O centroavante entrou no segundo tempo para dar uma nova cara ao contestado ataque de sua equipe, mas não criou nenhuma chance que pudesse ameaçar o goleiro Fábio. Sem entender os motivos que levaram a Lusa a mais um fracasso na competição nacional, o atleta defendeu a postura da torcida e cobrou maior empenho de seu time nas próximas rodadas.

‘Não é para menos. Nosso time está correndo, lutando, batalhando, mas infelizmente, não está conseguindo o resultado. Eles têm todo o direito de cobrar um empenho maior da nossa equipe e a gente precisa trabalhar mais para conseguir os resultados nos próximos jogos’, analisou o desanimado Ricardo Jesus.

Integrante do setor mais criticado da Portuguesa, Ricardo Jesus não deverá aparecer no time titular no compromisso deste sábado, contra o Corinthians, no Pacaembu. Mesmo sendo apontado como um dos principais atletas do ataque lusitano, o jogador poderá ser mantido no banco de reservas para que Ananias e Héverton possam formar dupla inédita na frente. O primeiro não participou do duelo desta quarta-feira por apresentar uma forte faringite, enquanto o segundo foi utilizado pelo técnico Geninho no decorrer do confronto com o Cruzeiro.

Na 15colocação do Campeonato Brasileiro, a Portuguesa também precisará mudar o seu comportamento dentro de campo e adotar uma nova postura se não quiser integrar a zona do rebaixamento no desenrolar da competição. O time soma oito pontos neste momento e poderá adentrar a degola caso os seus adversários diretos consigam a vitória no complemento da rodada.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês