CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Portuguesa joga mal e empata com o Atlético-GO

Resultado de 1 a 1 frustrou as expectativas das duas equipes no Brasileirão

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 11h01 - Publicado em 9 set 2012, 20h38

A Portuguesa empatou por 1 a 1 neste domingo com o Atlético-GO no Campeonato Brasileiro, frustrando as esperanças do primeiro de conquistar a segunda vitória consecutiva para encostar no pelotão de frente do Campeonato, e deixando o segundo ainda mais desesperado na lanterna da competição.

LEIA TAMBÉM:

LEIA TAMBÉM: Fluminense vence Inter por 1 x 0 e consolida liderança

Botafogo derrota o Náutico por 3 a 1 e se aproxima de G4

Depois de levar bola na trave em chute de Ananias, o Dragão respondeu bem e marcou com o lateral direito Marcos, após jogada de Eron. No segundo tempo, a Lusa reagiu e empatou, também de cabeça, com o zagueiro Valdomiro, aproveitando cobrança de escanteio de Marcelo Cordeiro.

Na próxima rodada, a 24ª da competição nacional, o Atlético-GO volta a jogar no Serra Dourada, desta vez contra o Coritiba, às 20h30 de quarta-feira. Um pouco mais cedo no mesmo dia, a Portuguesa recebe o líder Fluminense no Canindé às 19h30.

O jogo – Desesperado, o Atlético-GO iniciou a partida impondo o ritmo e perdeu grande oportunidade com Patric logo no primeiro minuto. A pressão inicial foi diminuindo e, aos poucos, a Portuguesa foi tomando conta da partida, principalmente nas jogadas criadas por Léo Silva e Moisés.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

A primeira chance paulista aconteceu aos 17 minutos, quando Ananias fez uma bela jogada individual dentro da área goiana e bateu forte no contrapé do goleiro Márcio, que, sem reação, apenas assistiu à bola explodir no pé da trave. Instantes depois, Bruno Mineiro aplicou uma ‘caneta’ no marcador e rolou para Léo Silva cortar para a perna direita e assustar a torcida mandante com uma bomba.

O domínio rubro-verde terminou assim que o meia Moisés sentiu lesão muscular e Geninho foi obrigado a sacá-lo para a entrada de Maylson. Minutos mais tarde, o Dragão abriu o placar. O lateral esquerdo Eron arrancou pela esquerda e cruzou fechado para o lateral direito Marcos aparecer livre e vencer Dida em uma cabeçada precisa.

Leia também:

Leia também: Santos e São Paulo empatam sem gols na Vila Belmiro

Segundo tempo – Na volta do intervalo, os atleticanos tentavam prender a bola no campo de ataque, mas na primeira chance que teve, a Lusa não desperdiçou. Luis Ricardo ganhou escanteio pela direita e Marcelo Cordeiro cobrou na cabeça de Valdomiro. O zagueiro, que voltava de suspensão, subiu sozinho e fuzilou o gol de Márcio para empatar.

Os mandantes demoraram a responder, mas fizeram com o goleiro Márcio, que cobrou falta com muita categoria e carimbou o travessão de Dida. O jogo seguiu sem muita emoção e com poucas oportunidades de gol. Com o empate, as duas equipes estacionam na tabela do Brasileirão, com 17 pontos para os goianos e 29 para os paulistas, mas o Atlético vê o fantasma do rebaixamento cada vez mais como uma realidade.

(Com agência GazetaPress)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade