CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Marco Polo Del Nero afirma que deve processar Romário

Segundo o vice da CBF, ação contra o deputado será por injúria e difamação

Por Da Redação Atualizado em 7 out 2021, 03h51 - Publicado em 5 set 2013, 15h23

O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo Del Nero, promete processar o deputado federal Romário pelas declarações feitas pelo ex-craque na quarta-feira, em um evento realizado na sede do Corinthians, em São Paulo. De acordo com os assessores do cartola, Romário terá de responder a ações judiciais por injúria e difamação. Em uma das declarações, o ex-jogador – um dos principais críticos da CBF, onde Del Nero é um dos vice-presidentes – disse que o dirigente deveria ser condenado a 100 anos de prisão, sem explicar exatamente o motivo.

Leia também:

Romário abre campanha de Andrés pedindo prisão do rival

Para Marin, guerra eleitoral pela CBF não passa de ‘intriga’

Teixeira mudou regras para blindar Marin e eleger Del Nero

No encontro de quarta-feira, Romário se reuniu com o ex-presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, com o ex-craque argentino Diego Maradona e com outros ex-atletas do futebol sul-americano. O encontro foi anunciado como um fórum de discussão sobre a corrupção na gestão da modalidade, mas acabou se tornando um ato público de apoio a Sanchez, que deve se candidatar ao cargo de presidente da CBF nas eleições do ano que vem. Além de Del Nero, Romário também criticou o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, acusando-o de chantagem e negócios ilegais – novamente sem dar detalhes de sua denúncia.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês