CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Márcio e Pedro Solberg passam às semifinais; torneio feminino adiado

Este sábado foi um dia complicado em Klagenfurt, na Áustria, já que fortes chuvas caíram sobre a cidade. Porém, mesmo com todas as complicações, Márcio e Pedro Solberg conseguiram garantir a classificação para as semifinais do Grand Slam austríaco, etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia. Agora, no domingo, os dois vão representar o […]

Por Da Redação Atualizado em 16 out 2021, 13h14 - Publicado em 21 jul 2012, 19h28

Este sábado foi um dia complicado em Klagenfurt, na Áustria, já que fortes chuvas caíram sobre a cidade. Porém, mesmo com todas as complicações, Márcio e Pedro Solberg conseguiram garantir a classificação para as semifinais do Grand Slam austríaco, etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia. Agora, no domingo, os dois vão representar o Brasil na competição, brigando por uma vaga na final.

Os próximos adversários da dupla brasileira serão os campeões olímpicos Rogers e Dalhausser, dos Estados Unidos. Do outro lado da chave, os norte-americanos Gibb e Rosenthal, líderes do ranking mundial, vão enfrentar os holandeses Schuil e Nummerdor.

Para seguirem vivos no torneio, Márcio e Pedro Solberg conquistaram duas vitórias, ambas por 2 sets a 1. A primeira veio contra os compatriotas Benjamin e Bruno Schmidt, com parciais de 23/21, 17/21 e 15/12. Já quartas de final, as ‘vítimas’ foram os alemães Brink e Reckermann, campeões mundiais de 2009, em partida com parciais de 21/13, 21/17 e 24/2

‘A chuva castigou bastante as quadras e foi um dia muito complicado para todas as duplas’n afirmou Márcio. ‘Tentamos manter a concentração no máximo o tempo todo e ter muita paciência, pois sabíamos que os erros iriam acontecer. No jogo contra os alemães, salvamos sete bolas que decidiriam o jogo em favor deles e, na primeira oportunidade que tivemos, conseguimos definir. Espero que o tempo melhore para o domingo para que os torcedores possam ver jogos de alto nível nas finais’, finalizou Márcio.

Já Ricardo e Pedro começaram bem, vencendo os holandeses Stiekema e Varenhorst nas oitavas de final, com duplo 21/18. Mas nas quartas, os brasileiros não tiveram a mesma sorte e caíram diante dos norte-americanos Gibb e Rosenthal, perdendo com parciais de 35/27, 21/17 e 12/15.

No torneio feminino, a definição do torneio feminino teve que ser adiada por conta das chuvas que caíram sobre a cidade no período noturno. A programação deste sábado precia a disputa das semifinais, do terceiro lugar e das finais. Agora, tudo será realizado no domingo.

A primeira semifinal, às 3h45 (horário de Brasília), será entre Chen Xue/Zhang Xi, da China, e Meppelink/Van Gestel, da Holanda. Uma hora mais tarde, Talita e Maria Elisa representam o Brasil no outr confronto, enfrentando as russas Khomyakova e Ukolova. A decisão está marcada para 8h30.

‘Esta situação é muito ruim para todos, especialmente para os jogadores, mas todos concordamos que a quadra central não tinha condições de receber os jogos, por isso optamos pelo adiamento. A previsão do tempo espera uma melhora significativa nas condições climáticas e temos certeza que a quadra principal estará pronta para receber todas as partidas no domingo’, ressaltou Ed Drakich, supervisor da Federação Internacional de Vôlei (FIVB).

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Impressa + Digital no App

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital no App

a partir de R$ 9,90/mês