ASSINE PLACAR DIGITAL NO APP POR APENAS R$ 6,90/MÊS

Léo comemora lugar no time e enaltece defensores do Cruzeiro

O zagueiro Léo será a única novidade do time do Cruzeiro na partida contra a Ponte Preta, neste domingo, no Independência. O jogador retorna de suspensão e vai ocupar a vaga que era de Thiago Carvalho, mas o técnico Celso Roth deixou claro que, se Léo não corresponder, poderá perder a titularidade na Raposa. ‘Realmente. […]

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 19h16 - Publicado em 4 ago 2012, 16h23

O zagueiro Léo será a única novidade do time do Cruzeiro na partida contra a Ponte Preta, neste domingo, no Independência. O jogador retorna de suspensão e vai ocupar a vaga que era de Thiago Carvalho, mas o técnico Celso Roth deixou claro que, se Léo não corresponder, poderá perder a titularidade na Raposa.

‘Realmente. O Celso disse isso, mas sempre foi assim. Eu vinha numa sequência boa de jogos. A competitividade sempre teve. A competição sempre foi acirrada aqui dentro, tem o Thiago, o Donato, o Mateus. São jogadores de qualidade. Isso é bom porque só quem tem a ganhar é o Cruzeiro’, declarou.

Diante da Macaca, Léo formará a defesa com o uruguaio Victorino, dupla de zaga que já apresenta entrosamento da temporada passada. ‘Quando joga mais vezes, certamente tem um certo entrosamento. Mas isso se resume no ponto da conversa, do posicionamento dentro de campo. Claro que, jogando mais vezes, toma-se um pouco mais de percepção, da característica do outro, para poder sempre suprir’, disse.

Se Léo está satisfeito com o lugar no time, o mesmo não se pode dizer do atacante Wellington Paulista, que deixou claro não gostar de perder posição para Wallyson. O técnico Celso Roth procurou evitar polêmicas quando questionado sobre as reclamações do avante cruzeirense, e afirmou que a indignação do jogador é boa porque mostra que o atleta não está acomodado.

‘A situação do Wellington é parecida com a do Victorino. Jogador de qualidade não pode se acomodar, tem de expor sua opinião, desde que seja com respeito. Nem acompanhei a declaração dele. Esse nem é o grande ponto. Ele nos ajudou e vai continuar nos ajudando’, disse Roth.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade