CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Isaquias vence semifinal e vai lutar pelo ouro na canoagem

Brasileiro se classificou com sobras na prova do C1 1000 metros e briga por uma medalha ainda nesta sexta-feira (horário de Brasília)

Por Da Redação Atualizado em 23 set 2021, 18h01 - Publicado em 6 ago 2021, 22h02

Após conseguir a vaga na semifinal da prova masculina do C1 1000 metros com o melhor tempo entre todos os competidores, Isaquias Queiroz pôde até se poupar na noite desta sexta-feira, 6 (início da manhã do sábado, 7, em Tóquio), para entrar na final da competição como o favorito para ficar com a medalha de ouro.

O baiano de 27 anos competiu na segunda semifinal e cravou o tempo de 4:05:579 para vencer a bateria. Na primeira bateria, ele voou dentro d’água e fez 3:59:894, mostrando como está bem na prova e que a chance de ouro para o Brasil é real. A prova valendo medalha será ainda nesta sexta-feira e está marcada para às 23h53 no horário de Brasília.

Após conquistar três medalhas nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016 – prata no C1 1000 metros e no C2 1000 metros (esta junto com Erlon de Souza) e bronze no C1 200 metros –, o sonho de Isaquias agora é conquistar um ouro inédito para ele e para a canoagem brasileira. “Não quero sair daqui sem meu ouro”, disse antes da semifinal.

Os outros classificados para a final são o francês Adrien Bart, os chineses Liu Hao e Pengfei Zheng, o checo Martin Fuksa, o cubano Fernando Dayan Jorge Enriquez, o moldavo Serghei Tarnovschi e o alemão Conrad Scheibner. Sebastian Brendel, da Alemanha, e Jose Ramon Pelier Cordova, dois postulantes à medalha, não se classificaram para a grande decisão.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade