CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Grã-Bretanha perde pênaltis, Coreia vence e encara Brasil na semi

Adversários seis dias antes de iniciarem suas trajetórias nos Jogos Olímpicos de Londres, Brasil e Grã-Bretanha não voltarão a se encontrar, no torneio. Depois de ficar no 1 a 1 durante todo o tempo regulamentar e também nos 30 minutos da prorrogação, a Coreia do Sul venceu a seleção da casa nos pênaltis e se […]

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 18h37 - Publicado em 4 ago 2012, 18h28

Adversários seis dias antes de iniciarem suas trajetórias nos Jogos Olímpicos de Londres, Brasil e Grã-Bretanha não voltarão a se encontrar, no torneio. Depois de ficar no 1 a 1 durante todo o tempo regulamentar e também nos 30 minutos da prorrogação, a Coreia do Sul venceu a seleção da casa nos pênaltis e se classificou para encarar o time de Mano Menezes, que, mais cedo, bateu Honduras por 3 a 2.

Classificada como primeira do Grupo A, com vitórias sobre Uruguai e Emirados Árabes e empate com Senegal, a Grã-Bretanha contava com imenso favoritismo diante da Coreia, que foi a segunda da chave B, tendo ganhado apenas da Suíça. Contra México e Gabão, os asiáticos não saíram do 0 a 0.

Mas, em campo, a Coreia do Sul logo mostrou que os anfitriões teriam dificuldades. Dong-Won Ji abriu o placar ainda aos 39 minutos do primeiro tempo, diminuindo a festa no Millennium Stadium. Entretanto, pouco depois, Aaron Ramsey igualou ao converter pênalti.

O jogador do Arsenal teve a oportunidade de sagrar-se herói da partida aos 40 minutos, quando teve outra cobrança de penalidade para executar. No entanto, desta vez, o goleiro Sungryong Jung defendeu. O arqueiro precisou deixar o jogo aos 20 minutos do segundo tempo por conta de lesão no ombro. E, do banco de reservas, viu seu substituto brilhar.

Bumyoung realizou boas defesas durante o restante do jogo e também nos 30 minutos da prorrogação. Nos pênaltis, ele defendeu o quarto chute da Grã-Bretanha, que saiu dos pés de Sturridge e garantiu a classificação da Coreia, que converteu todas as cobranças. Ramsey, voltou a marcar e o veterano Ryan Giggs também balançou a rede, em vão.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade