Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90/mês

Fernando Torres anuncia saída do Atlético de Madri

Ídolo histórico do clube, atacante espanhol de 34 anos tem ficado no banco de reservas e decidiu deixar o Atlético ao fim da temporada

Por Gazeta Press Atualizado em 28 set 2021, 21h37 - Publicado em 9 abr 2018, 12h05

O atacante espanhol Fernando Torres anunciou nesta segunda-feira que deixará o Atlético de Madri ao fim da temporada europeia. Ídolo histórico do clube, o atacante de 34 anos disse que pretende continuar jogando, o que não vem acontecendo no Atlético.

“Quando cheguei aqui com dez anos sempre pensei que o Atlético era a minha casa. Estou desfrutando do que sempre sonhei, mas esta vai ser a minha última temporada no clube. Não foi uma decisão fácil, mas me senti na obrigação de contar a minha decisão aos torcedores”, disse Torres, durante evento de um patrocinador, em Madri.

Fernando Torres iniciou sua carreira no clube, onde ficou de 2001 a 2007. Voltou ao clube em 2014, depois de ter passado sete temporadas entre Liverpool, Chelsea e Milan. Ele ainda disse que este é o melhor momento para anunciar sua saída.

“Meu protagonismo na equipe já é pouco. Dizem que as coisas bonitas têm um início e um fim. O princípio já foi há muitos anos e para o final falta pouco. Quero que os torcedores estejam com a equipe e que, no final, levantemos um troféu. Só peço que me acompanhem e estejam comigo. É muito difícil dizer adeus uma segunda vez. Queria me aposentar aqui, mas quero jogar mais uns anos”, observou.

Em resposta, o presidente do Atlético de Madri, Enrique Cerezo, afirmou que as portas do clube estarão sempre abertas. “Fernando é uma lenda do nosso clube. Sempre dissemos que ele teria a decisão sobre seu futuro, porque está é a sua casa e, se ele decidiu continuar sua carreira em outro lugar, só podemos agradecer por tudo que nos proporcionou”.

O último jogo do Campeonato Espanhol no Wanda Metropolitano, contra o Eibar, servirá como homenagem. “Fernando Torres merece o melhor das despedidas com o Atlético de Madrid e, por isso, tenho certeza que os torcedores vão nos acompanhar em um dia especial. Estamos trabalhando para fazer um dia inesquecível para a família atleticana e, especialmente, ao Fernando”, finalizou. Nesta temporada, ele marcou sete gols em 34 jogos (quase sempre entrando no segundo tempo).

Fernando Torres, em 2005, durante sua primeira passagem pelo Atlético
Fernando Torres, em 2005, durante sua primeira passagem pelo Atlético VEJA.com/Getty Images
Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Publicidade