CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Davis: Bellucci vence russo e deixa Brasil perto da elite

Brasileiro superou Teymuraz Gabashvili por 3 sets a 1

Por Da Redação Atualizado em 8 out 2021, 10h41 - Publicado em 14 set 2012, 16h55

Thomaz Bellucci deixou o Brasil mais perto da elite da Copa Davis, na noite desta sexta-feira, em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. Ele venceu o russo Teymuraz Gabashvili no segundo jogo válido pela repescagem da Copa Davis, por 3 sets a 1, com parciais de 6/3, 4/6, 6/0 e 7/6 (7/4). Com a vitória, a equipe brasileira abre 2 a 0 no placar e está a um ponto da vaga no Grupo Mundial da Copa.

Apesar de enfrentar certa dificuldade em alguns momentos da partida diante de Gabashvili, atual 163º colocado no ranking mundial, Bellucci, que ocupa a 41ª posição, fez valer seu favoritismo e passa a somar 13 triunfos em 20 jogos na Davis.

Leia também:

Roger Federer e Maria Sharapova no Brasil: primeiro lote de ingressos evapora –

Roger Federer e Maria Sharapova no Brasil: ingressos custam 350 reais

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Primeiro jogo – Na abertura do confronto entre Brasil e Rússia, Rogério Dutra da Silva venceu Igor Andreev. Depois de perder os dois primeiros sets, o tenista estrangeiro sentiu uma lesão e decidiu abandonar o confronto. Os outros brasileiros que entrarão em quadra são Marcelo Melo e Bruno Soares, neste sábado.

Roger Federer durante partida contra o tenista espanhol Fernando Verdasco pela terceira rodada do US Open 2012
Roger Federer durante partida contra o tenista espanhol Fernando Verdasco pela terceira rodada do US Open 2012 VEJA

Em Amsterdã, na Holanda, o suíço Roger Federer, atual número 1 do mundo, precisou de 1h42m para vencer o tenista da casa Thiemo de Bakker (159º) por 3 sets a 0, com parciais de 6/3 e duplo 6/4. Na partida seguinte, Stanislas Wawrinka (14º) confirmou o favoritismo da equipe suíça e venceu Robin Haase (50º) por 3 a 1 – 6/3, 3/6, 6/3 e 7/6. Com os resultados, os suíços abrem 2 a 0 sobre a Holanda nos playoffs do Grupo Mundial da Davis. Neste sábado os tenistas voltam ao saibro para a rodada de duplas e, no domingo, para as partidas de simples.

No outro confronto, em Gijón, na Espanha, o tenista da casa Nicolás Almagro venceu John Isner, dos Estados Unidos, por 3 sets a 2 (6/4, 4/6, 6/4, 3/6 e 7/5), e ampliou a vantagem do time ibérico, que está a uma vitória da decisão da Davis. Neste sábado, pelo torneio de duplas, Marcel Granollers e Marc Lopez, da Espanha, encaram os gêmeos americanos Bob e Mike Bryan. No domingo pela manhã, David Ferrer enfrenta Isner, com Almagro e Sam Querrey jogando em seguida.

Enquanto isso, em Buenos Aires, na Argentina, a equipe local abriu o placar contra a República Tcheca. Mesmo sentido dores no punho esquerdo, Juan Martin del Potro (8º) partiu para o sacrifício e derrotou Radek Stepanek (40º), por 3 a 0, com parciais de 6/4, 6/4 e 6/2. Na outra rodada desta sexta-feira, Juan Mónaco entra em quadra contra Tomas Berdych. No sábado, a dupla argentina Carlos Berlocq/Eduardo Schwank encara os tchecos Ivo Minar/Lukas Rosol.

Nos outros confrontos, válidos pelo Grupo Mundial, houve três empates em 1 a 1 – Cazaquistão e Uzbequistão, Alemanha e Austrália e Japão e Israel. A Bélgica abriu 2 a 0 sobre a Suécia e a Itália vence o Chile por 1 a 0.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade